Ambiente

Instituto Inhotim inaugura um espaço dedicado à mais exuberante das orquídeas

Deque reunirá 500 flores, com destaque para a vanda, famosa pelas cores exuberantes

por Raíssa Pena | 19/03/2014 18:44

Victor Schwaner/Odin e Rossana Magri
Deque construído para abrigar espécies de vandáceas (fotos em detalhe): mais de 500 exemplares em exposição

No ano passado, uma turista pas­sea­va por Inhotim quando um detalhe do jardim a incomodou. Ao perceber que as orquídeas ali instaladas estavam recebendo pouca luz, ela não hesitou em procurar os responsáveis. A visitante curiosa era a pesquisadora mineira Delfina de Araújo, uma das maiores autoridades do assunto no país. Assim nasceu a parceria, que acaba de render o primeiro fruto.

A partir de sábado (22), um vandário vai abrigar cerca de 500 orquídeas - entre os gêneros expostos estão renantheras, ascocentrums e, é claro, vandas. Estrelas da categoria, essas últimas são conhecidas pelas flores grandes, pela coloração exuberante e pelo alto valor de mercado (uma planta pode custar até 3 000 reais). Originais do Sudeste Asiático, elas se deram bem nas regiões quentes e úmidas do Brasil e viraram queridinhas dos orquidófilos.

Os trinta primeiros dias são ideais para visitar o acervo, já que 50% das plantas estarão floridas nesse período. Além da exposição e da manutenção dessas orquídeas, o Inhotim vai promover a venda de mudas a partir de 30 reais na loja próxima à recepção. A gerente de jardim botânico Letícia Aguiar explica que o vandário faz parte do projeto Flora Orchidaceae, que pretende transformar o parque em referência na preservação de orquídeas. No dia da inauguração haverá um bate-pa­po com Delfina, que contará sobre o trabalho no instituto e dará dicas de como cuidar daquela orquídea que costuma ficar esquecida na sala de TV.

Inhotim
Rua B, 20, Brumadinho, ☎ 3254-5440. Visitação: terça a sexta, 9h30 às 16h30; sábado, domingo e feriados, 9h30 às 17h30. Grátis (terça); R$ 20,00 (quarta e quinta); R$ 30,00 (sexta, sábado, domingo e feriados). Crianças de até 5 anos não pagam.
A partir de sábado (22), às 14h.



Comentários
[an error occurred while processing this directive]
BUSCAR