Bichos

Bichos

Por: Daniela Nahass - Atualizado em

Arquivo pessoal
(Foto: Redação VejaBH)

Coleta sem cavalos

Influenciado pela namorada, o engenheiro gaúcho Jason Duani Vargas criou um carro elétrico para substituir as carroças puxadas por cavalos que os catadores de papel costumam usar. "Trabalho perto de um ponto de coleta e fiquei muito incomodada com a situação dos animais", conta Ana Paula Knak. No início deste mês, Vargas apresentou o protótipo do seu "cavalo de lata" na UFMG. O veículo tem capacidade para carregar até 500 quilos a 25 quilômetros por hora. "A renda do catador poderá ser até seis vezes maior", garante ele.

Gustavo Andrade/Odin
(Foto: Redação VejaBH)

Eu e meu petCom apenas 4 meses, o buldogue-francês Ivan é a atração da loja de presentes de Joana Valente, na Savassi. Ele chama a atenção dos clientes com suas roupas e acessórios fashionistas. "Tem gente que vem somente para ver o Ivan e acaba comprando", conta ela. Assim que parar de comer ração de filhotes, ele passará a receber um "pagamento" por seu trabalho de relações públicas: um frango assado todo sábado. "Mas é para ele comer aos poucos", afirma Joana. Só falta combinar com Ivan, conhecido pelo apetite voraz.

Sam Gross/www.cartoonbank.com
(Foto: Redação VejaBH)
Vjuliano arantes/42 fotografia
(Foto: Redação VejaBH)

Cerveja sabor carne

A primeira cerveja brasileira criada especialmente para cachorros tem sabor de carne. A Dog Beer, fabricada no Rio de Janeiro, é feita com malte. Para não prejudicar a saúde dos peludos, não tem álcool nem gás carbônico. Segundo o dono da marca, Marco Melo, a bebida deve ser usada como um petisco e não pode substituir a água. O preço sugerido da garrafa é de 8 reais.

Fonte: VEJA BELO HORIZONTE