Comportamento

Empresas oferecem serviço de organização de piqueniques em parques, um tipo de evento que virou moda por aqui

Da decoração com materiais reciclados à cardápio com alimentos saudáveis, elas cuidam de tudo

Por: Glória Tupinambás - Atualizado em

Bruna Lacerda
(Foto: Redação VejaBH)

O Parque Mosteiro Tom Jobim, no Luxemburgo, preparado para os parabéns: os convidados Victor Chaves e Lucas Pierson (no detalhe) aprovaram

Estenda a toalha xadrez sobre a grama, leve uma cesta repleta de guloseimas e convide os amigos para um programa diferente. Ao ar livre, cercada de árvores e pássaros, a festa fica muito mais divertida. Comemorações de aniversário de crianças e adultos, chás de bebê, noivados e até encontros de trabalho no formato de piquenique estão em moda por aqui. Segundo a prefeitura, foram registrados 102 pedidos de autorização para realizar esse tipo de evento em praças e parques públicos no primeiro semestre de 2014 - número 30% maior do que o apurado em todo o ano passado. De olho nesse filão, empresas já oferecem serviços de organização de piqueniques que incluem decoração, comidinhas saudáveis e brincadeiras à moda antiga a quem quer fugir dos bufês tradicionais (veja abaixo quanto eles cobram).

Foi o caso da pequena Olívia Junqueira Procópio, que teve o Parque Mosteiro Tom Jobim, no bairro Luxemburgo, como cenário da sua festa de 2 anos. "Minha intenção era recuperar a essência da infância e pôr a criançada em contato com a natureza", diz a mãe, a fotógrafa Ana Junqueira. Para organizar a comemoração, ela contratou a empresa #Vempropiquenique BH, que cuidou da decoração, ecologicamente correta, feita com material reciclado. Carretéis de madeira se transformaram em mesas, galões de tinta ganharam uma almofadinha para servir como bancos e carrinhos de mão antigos sustentaram vasos de flores. "Nossa ideia é explorar o conceito de uso dos espaços públicos de maneira consciente e sustentável", comenta a sócia da empresa, Carolina Gilberti. Em festas assim, não há espaço para videogame, pula-pula nem piscina de bolinhas. Girar um bambolê na cintura, fazer bolinhas de sabão e pular corda são formas de reviver uma infância de outros tempos. "Antigas brincadeiras realizadas ao ar livre são uma experiência inesquecível para crianças e adultos que perderam o contato com coisas simples da vida", afirma Lorena Zaidan, da Ideias e Festas Cerimonial Infantil. Dentro dessa proposta, o cuidado com a alimentação é prioridade. Empresas como a Brincar Lá Fora apostam em sanduíches integrais, frutas e sucos para os convidados. "Não servimos frituras nem refrigerantes, apenas opções saudáveis", explica a proprietária, Thainara Motta.

Quem quer reunir um grupo e fazer um piquenique no parque não precisa pedir autorização à administração municipal. Mas, se a ideia é montar algum tipo de estrutura, como tendas decoradas, é necessário informar à Fundação de Parques Municipais (pelo e-mail eventosfpm@pbh.gov.br ou pelo ☎ 3277-5398) com dez dias de antecedência. Há regras que têm de ser respeitadas. Não é permitido, por exemplo, restringir o acesso de outras pessoas ao local do evento. E cadeiras só podem ser levadas para convidados com dificuldade de locomoção. Existem em Beagá, segundo a prefeitura, 72 parques públicos. Com tantas sugestões de endereço, basta escolher uma área verde e incluir um belo horizonte na decoração da próxima festa.

Aniversário perto das árvores

Quanto custa um piquenique para cinquenta convidados

Brincar Lá Fora

A montagem da estrutura sai por 2 000 reais. O pacote completo, com bufê e decoração, custa 3 250 reais.

brincarlafora@gmail.com. ☎ 9711-7838

Ideias e Festas

A decoração custa, em média, 1 000 reais. Com bufê incluído, o valor sobre para 2 500 reais.

ideiasefestas@live.com. ☎ 8806-6861 ou 8840-0853

#Vempropiquenique BH

A empresa só trabalha com a decoração, que custa entre 2 500 e 2 700 reais.

www.vempropiquenique.com.br.☎ 8481-9990

Fonte: VEJA BELO HORIZONTE