Cinema

Cinema: programação para os dias 14 a 20 de fevereiro

- Atualizado em

Divulgação
(Foto: Redação VejaBH)

Bruce Dern e Will Forte: pai e filho atrás de 1 milhão de dólares em Nebraska

› PRÉ-ESTREIAS

✪✪ Caçadores de Obras-Primas

Lançado no Brasil pela editora Rocco, o livr­o-reportagem Caçadores de Obras-Primas, de Robert M. Edsel, traz uma história eletrizante. Em 1945, ao fim da II Guerra, um grupo se reuniu na Europa para reencontrar quadros e outras relíquias que, a mando de Hitler, haviam sido surrupiadas dos museus. O filme homônimo tinha tudo para dar certo, sobretudo com George Clooney como roteirista, produtor, protagonista e diretor — este é seu quinto lo­nga-metragem atrás das câmeras. Embora tenha momentos de graça, a aventura patina entre o humor e o drama. Clooney assume o posto de líder na pele do historiador americano Frank Stokes. Ele junta outros seis companheiros para segui-lo na jornada. Entre eles, James Granger (Matt Damon), um especialista em arte do Metropolitan, de Nova York. Embora a recriação de época encha os olhos, a fita não acerta a mira e, muitas vezes, transparece a flacidez numa história à deriva. De encantadora, há a delicada relação entre Granger e Claire Simone (Cate Blanchett), uma francesa solitária que fingia colaborar com os nazistas. Apaixonada pelo americano casado, a travada personagem desabrocha em uma cena comovente. Direção de George Clooney (The Monuments Men, EUA/Alemanha, 2014, 118min). 12 anos. Estreou em 14/2/2014. Dublado: Shopping Contagem 1, Minas Shopping 4, Shopping Cidade 7, Shopping Estação BH 3 e 4, Via Shopping 1. Legendado: Itaú Power 2, Shopping Contagem 1, BH Shopping 5, Boulevard Shopping 4, Del Rey 3, DiamondMall 4, Minas Shopping 4, Paragem 3, Pátio Savassi 5, Shopping Estação BH 3.

✪✪✪ 12 Anos de Escravidão

O drama, inspirado em histórias reais e superestimado nas premiações no exterior, está indicado a nove estatuetas no Oscar, incluindo melhor filme, ator (Chiwetel Ejiofor) e direção (Steve McQueen). Há força nas atuações e linearidade na condução da trama, mas pouco se sente a mão tão intensa do diretor de Hunger (2008), inédito no Brasil, e Shame (2011). Trata-se aqui da trajetória verídica de Solomon Northup (Ejiofor), um negro que conquistou a liberdade, vivia com a mulher e um casal de filhos e virou violinista na Boston de 1841. Ao aceitar o convite de uma dupla de empresários de circo, entra numa fria. É levado para o racista sul dos Estados Unidos, onde passa a ser tratado novamente como escravo. Direção: Steve McQueen (12 Years a Slave, EUA/Inglaterra, 2013, 134min).

Paragem 5, Ponteio 4, Shopping Cidade 1.

✪✪✪ Gloria

Gloria (Paulina García) é uma mulher de meia-idade divorciada e com muita disposição para encontrar uma nova cara-metade. Mãe de um casal de filhos adultos e assídua frequentadora de casas de dança, essa senhora acaba conhecendo o sessentão Rodolfo (Sergio Hernández), ex-militar e dono de um clube de paintball em Santiago. O primeiro encontro já termina na cama e o romance tem início. Se a protagonista encontrou a liberdade depois do fim do casamento, seu parceiro, embora igualmente separado, ainda mantém vínculos com a ex-esposa e as duas filhas, que o procuram insistentemente pelo celular, até mesmo em momentos inadequados. O drama foi indicado pelo Chile para concorrer a uma vaga no Oscar 2014 de melhor filme estrangeiro, mas ficou fora da disputa. Diretor e roteirista, Sebastián Lelio foca uma personagem fascinante defendida com simpatia por Paulina, não à toa premiada como melhor atriz no Festival de Berlim do ano passado. Gloria, ao longo da história, mostra-se um exemplo de dignidade e independência afetiva. Em um longa-metragem que flerta com o humor, o realizador acerta ao expor o sexo na terceira idade, sem frescuras. Direção: Sebastián Lelio (Gloria, Chile/Espanha, 2013, 110min). 14 anos.

Belas Artes 3.

✪✪✪✪ Nebraska

Além de Ruth em Questão (1996) e Eleição (1999), eis outro ponto alto da carreira do talentoso diretor Alexander Payne. Seu recente trabalho está concorrendo a seis prêmios no Oscar: melhor filme, direção, ator (Bruce Dern), atriz coadjuvante (June Squibb), fotografia e roteiro original. Mais uma vez, Payne vai atrás de gente comum para fazer um registro impactante do interior dos Estados Unidos. Dern interpreta Woody Grant, um idoso que, sem nada a perder ou ganhar na vida, acredita ter sido contemplado com 1 milhão de dólares. Na verdade, trata-se de uma carta-propaganda mal­-intencionada postada no Estado de Nebraska. Insistente na história, Grant quer sair de Montana, onde mora com a esposa (June), para buscar a fortuna. Seu filho caçula, David (Will Forte), percebendo certa loucura na atitude do pai, decide largar o emprego por uns dias para levá-lo de carro até lá. No caminho, eles dão um tempo na cidade natal de Grant, onde reencontram parentes e amigos. A fotografia em preto e branco realça a melancolia com a qual o realizador enfoca os laços e desenlaces familiares. Amparado em excelente time de atores (June Squibb é uma fabulosa surpresa), diálogos ácidos e condução cadenciada, o drama ainda acerta na moderada comoção. Direção de Alexander Payne (Nebraska, EUA, 2013, 115min). 12 anos.

Estreou em 14/2/2014. Pátio Savassi 4.

Rodência e o Dente da Princesa

Edam sonha em sair de Rodência, um reino mágico situado num bosque, para tornar-se o maior mago do mundo. A animação é uma coprodução entre Peru e Argentina. Direção: David Bisbano (Rodencia y el Diente de la Princesa, Peru/Argentina, 2012, 82min). Livre.

Dublado, em 3D: Itaú Power 6, Del Rey 1.

› ESTREIA

✪✪✪✪ Philomena

+ Comédia dramática Ela traz a original história de um homem que se apaixona por uma mulher virtual

Estreou em 14/2/2014.

Belas Artes 2, BH Shopping 7, Boulevard 2, Pátio Savassi 8, Ponteio 3.

› EM CARTAZ

Até que a Sorte Nos Separe 2

O sucesso da comédia anterior deu origem a uma sequência com quase o mesmo elenco. Leandro Hassum mantém-se no posto de protagonista, mas Camila Morgado substitui Danielle Winits. Eles formam o novo casal. Na trama, Tino (Hassum) perdeu toda a fortuna que ganhou na loteria e passa por dificuldades financeiras. Mas tudo tende a mudar quando ele descobre que um tio deixou uma herança para ele. O comediante Jerry Lewis faz uma participação. Direção: Roberto Santucci (Brasil, 2013, 100min). 12 anos. Estreou em 27/12/2013.

Big Shopping 4, Pampulha Mall 4, Shopping Norte 5.

✪✪ Uma Aventura Lego

A animação já ganhou uma perfeição tão intensa que esta parece, ao primeiro olhar, um desenho tosco e antigo. Os personagens são feitos com bonecos de Lego, o famoso brinquedo de pecinhas de montar. Duros, eles têm pouquíssimos movimentos. O grande desafio, então, era dar ação ao filme. Graças a um roteiro bem-humorado e uma produção farta em cores, o resultado acaba agradando — e não só à criançada. O início, de arrancada lenta, mostra o cotidiano de Emmet. Operário da construção civil, esse cara é rechaçado pelos colegas e vive solitário. Tudo muda quando a jovem Mega Estilo o encontra com a peça de resistência, um objeto capaz de torná-lo o salvador do mundo. Na jornada para derrotar o vilão Sr. Negócios, Emmet depara com aliados como Batman, Lanterna Verde e até Shakespeare. Direção: Phil Lord e Christopher Miller (The Lego Movie, Estados Unidos/Austrália/Dinamarca, 2014, 100min). Livre. Estreou em 7/2/2014.

Dublado: Betim Shopping 2, Itaú Power 5, Shopping Contagem 2, BH Shopping 1 e 2, Boulevard 6, Del Rey 1, Minas Shopping 2, Paragem 1, Pátio Savassi 1, Shopping Cidade 1, Shopping Estação BH 4 e 5, Via Shopping 4.

✪✪✪ Azul É a Cor Mais Quente

Entre outros prêmios, o drama levou a Palma de Ouro no Festival de Cannes deste ano. O diretor tunisiano Abdellatif Kechiche não se intimida em mostrar um relacionamento de mulheres com todos os pingos nos is. Vale o aviso: o longa-metragem possui três extensas cenas de sexo bem pesadas com as protagonistas, Léa Seydoux e Adèle Exarchopoulos. Ambas também foram laureadas em Cannes. Magníficas, as duas entregam-se de corpo e alma ao papel. Jovem descobrindo a sexualidade, Adèle (papel da atriz homônima) está num momento complicado da vida. Ela tem um namoradinho, mas nenhum prazer no sexo. Seu cotidiano muda radicalmente ao se aproximar de Emma (Léa), uma lésbica mais velha e assumida. O roteiro é elíptico: são etapas de um relacionamento construído de afinidades, rusgas e rupturas. Direção: Abdellatif Kechiche (La Vie d'Adèle, França/Bélgica/Espanha, 2013, 179min). 18 anos. Estreou em 6/12/2013.

DiamondMall 6.

✪✪ Frankenstein - Entre Anjos e Demônios

O personagem extraído do livro de Mary Shelley foi colocado numa trama de suspense ambientada nos dias de hoje. No início do filme, é revelado que o doutor Frankenstein morreu congelado e o monstro sobreviveu com a ajuda de uma ordem de gárgulas praticantes do bem. Chamada de Adam (Aaron Eckhart) pela rainha (Miranda Otto) desses seres, a criatura vira alvo de uma horda de demônios cujo líder (Bill Nighy) tem o desejo de criar um exército com ressuscitados. Efeitos visuais bacanas sustentam uma trama sem sustos e que foge totalmente ao texto original. Direção: Stuart Beattie (I, Frankenstein, EUA/Austrália, 2014, 93min). 12 anos. Estreou em 24/1/2014.

Dublado: Betim Shopping 2, Big Shopping 1, Pampulha Mall 1, Shopping Cidade 6, Shopping Estação BH 6. Dublado, em 3D: Itaú Power 5. Legendado: Shopping Contagem 3, Del Rey 7.

✪✪✪ Frozen - Uma Aventura Congelante

Indicado ao Oscar de melhor animação e canção (Let It Go), o novo e gracioso trabalho do estúdio Disney enfoca a trajetória de duas princesas. Elsa, a primogênita, possui o dom de transformar em gelo tudo o que toca. Ao ser coroada, tem seu poder revelado para o povo do reino nórdico de Arendelle. Assustados, os habitantes pensam se tratar de bruxaria. Elsa escapa de lá e refugia-se nas montanhas nevadas. Espevitada e destemida, sua irmã, Anna, precipita-se em ir atrás dela e deixa o trono aos cuidados de seu noivo. A cantoria, por vezes excessiva, e a aventura romântica à moda antiga remetem aos clássicos do estúdio do Mickey. Contudo, a técnica mantém o padrão de qualidade atual espalhando cores para fascinar a criançada. O boneco de gelo é dublado na medida certa por Fábio Porchat. Direção: Chris Buck, Jennifer Lee (Frozen, EUA, 2013, 102min). Livre. Estreou em 3/1/2014.

Dublado: Big Shopping 2, Shopping Norte 4, Via Shopping 5.

✪✪✪✪✪ A Grande Beleza

Drama vitorioso no Globo de Ouro e indicado ao Oscar de melhor filme estrangeiro. De uma plasticidade estupenda, o filme traz um recorte da alta sociedade de Roma, dominada pela breguice e por uma intelectualidade de botequim. Concentra-se em Jep Gambardella (o excelente Toni Servillo) a síntese da decadência. Irônico e ácido, Gambardella, de 65 anos bem vividos e autor de um único livro, faz entrevistas esporádicas para uma revista e mora numa magistral cobertura em frente ao Coliseu. Orbitam em torno dele poucos amigos e muitos sanguessugas. Perambulando por festas, chega a trocar a noite pelo dia. As referências de Sorrentino são ora evidentes, ora implícitas. O filme possui o clima onírico das fitas de Fellini e uma alusão ao personagem de Marcello Mastroianni em A Doce Vida. Violência e Paixão, de Visconti, está entranhado na solidão do protagonista. Além de afiadíssimo nos diálogos, o diretor capta o esplendor de Roma ao levar sua câmera pelo interior de palácios e em passeios por ruas desertas. Trata-se de um raro casamento entre a beleza da arquitetura e a riqueza das palavras. Direção: Paolo Sorrentino (La Grande Bellezza, Itália/França, 2013, 142min). 14 anos. Estreou em 20/12/2013.

Belas Artes 3.

Hércules

A aventura épica mostra a origem de Hércules (Kellan Lutz), o semideus que é filho de Zeus e da rainha Alcmena. Além das batalhas a enfrentar, o protagonista precisa aceitar seu destino como homem e herói. Direção: Renny Harlin (The Legend of Hercules, EUA, 2014, 99min). 14 anos. Estreou em 7/2/2014.

Dublado: Betim Shopping 3, Itaú Power 3, Shopping Contagem 4, Del Rey 2, Minas Shopping 5, Pampulha Mall 2, Shopping Cidade 5, Via Shopping 3. Dublado, em 3D: Big Shopping 5, Boulevard 6, Shopping Estação BH 2, Shopping Norte 2. Legendado: Shopping Contagem 4. Legendado, em 3D: BH Shopping 1, Boulevard 6, Del Rey 2, Pátio Savassi 3, Shopping Cidade 5.

O Herdeiro do Diabo

Zack (Zach Gilford) e Samantha (Allison Miller) se casam. Pouco tempo depois, descobrem que serão pais. Aos poucos, a gravidez torna-se um incômodo e, num clima de terror, o casal depara com uma força maligna se apossando do corpo da mulher. Direção: Matt Bettin­elli-Olpin e Tyler Gillett (Devil's Due, EUA, 2014, 89min). 14 anos. Estreou em 24/1/2014.

Dublado: Betim Shopping 1.

✪✪✪ O Lobo de Wall Street

A quinta parceria entre Martin Scorsese e Leonardo DiCaprio recebeu cinco indicações ao Oscar, e todas merecidas. O drama concorre a melhor filme, direção (Scorsese), ator coadjuvante (Jonah Hill), roteiro adaptado e ator — o sensacional DiCaprio. Em cena o tempo inteiro, o astro exibe vitalidade física e artística numa atuação que faz dele, sem dúvida, o motor de uma história inspirada em acontecimentos reais. No caso, a de Jordan Belfort. O protagonista entrou no mercado financeiro aos 22 anos e perdeu o emprego quando a Bolsa de Nova York despencou em 1987. Esperto e ambicioso, instalou-se numa pequena firma de Long Island. Lá, ergueu uma fulgurante carreira para, logo depois, abrir a própria empresa, associado ao malucão Donnie Azoff (Hill). O novo amigo o apresentou às drogas. A partir daí, Belfort seguiu numa escalada profissional de fraudes, trocou a esposa por uma amante de capa de revista masculina, abusou de barbitúricos, participou de orgias e conquistou o objetivo de virar milionário. Scorsese escancara essa vida de muitos vícios e virtude zero. Prepa­re-se para sequências escandalosas, certamente as mais atrevidas na filmografia do cineasta. Direção: Martin Scorsese (The Wolf of Wall Street, EUA, 2013, 180min). 18 anos. Estreou em 24/1/2014.

BH Shopping 6, Boulevard 3, Del Rey 7, DiamondMall 5 e 6, Paragem 4, Pátio Savassi 1, Ponteio 3, Shopping Cidade 6, Shopping Estação BH 5.

✪ A Menina que Roubava Livros

O início do drama de época promete uma trama calorosa e emotiva. Não é, porém, o que ocorre nas mais de duas horas de projeção dessa adaptação do best-seller homônimo, escrito pelo australiano Markus Zusak. Em 1938, a menina Liesel (Sophie Nélisse) ganha novos pais ao ser deixada pela mãe comunista num pequeno vilarejo alemão. Ao contrário da severa Rosa (Emily Watson), Hans (Geoffrey Rush), o pai adotivo, a trata com carinho e a ensina a ler. A menina acaba pegando mais gosto pelos livros quando Max (Ben Schnetzer) consegue abrigo por lá. Trata-se de um jovem judeu, acolhido pelo casal e escondido no porão da casa. Em recriação fraquinha, a história não possui densidade dramática no enfoque da II Guerra e tampouco se revela hábil no casamento entre cinema e literatura. Detalhe: pouco se ouve a trilha sonora, candidata ao Oscar. Direção: Brian Percival (The Book Thief, EUA/Alemanha, 2013, 131min). 12 anos. Estreou em 31/1/2014.

Dublado: Minas Shopping 3, Shopping Cidade 4, Shopping Estação BH 1, Via Shopping 2. Legendado: Itaú Power 4, BH Shopping 4, Boulevard 5, Del Rey 5, DiamondMall 2, Paragem 2, Pátio Savassi 7, Ponteio 4, Shopping Cidade 4, Shopping Estação BH 1.

✪✪✪ O Menino e o Mundo

Num universo atolado de animações em 3D, este desenho animado nacional revela-se uma renovação. Os méritos são do realizador paulistano Alê Abreu (de Garoto Cósmico), que extrai da técnica em 2D, aparentemente simples, traços deslumbrantes e uma explosão de cores. Numa mistura de pintura e colagem, a história segue a trajetória de um menino em busca do pai. Entre suas andanças, o garoto vai parar numa colheita de algodão, onde faz amizade com um tecelão. Embora a trama tenha seu encanto, o visual arrebata mais. O diretor não situa a época nem a localização. Sem diálogos e movido por uma empolgante trilha sonora percussiva (com a participação de Naná Vasconcelos e Barbatuques), o caminho do pequeno protagonista é cheio de atalhos lúdicos e amargas surpresas. Direção: Alê Abreu (Brasil, 2013, 80min). Livre. Estreou em 17/1/2014.

Belas Artes 3.

✪✪ Muita Calma Nessa Hora 2

Lançado em 2010, Muita Calma Nessa Hora era uma simpática comédia de verão que trazia três amigas em Búzios e uma caronista riponga de quem se tornavam parceiras. Na sequência, ambientada no Rio de Janeiro três anos depois, o quarteto se reencontra. Tita (Andréia Horta) virou fotógrafa e acabou de voltar de uma temporada em Londres, enquanto Aninha (Fernanda Souza) se mostra cada vez mais indecisa. Vinda da Argentina, a cuca-fresca Estrella (Débora Lamm) ainda mantém a samambaia da avó a tiracolo. O mote do longa é um festival de música produzido por Mari (Gianne Albertoni). São pífios os conflitos. Em meio a uma tremenda falta de assunto, surge um ator para salvar a parada. Marcelo Adnet interpreta um mauricinho paulistano interessado em Tita. Direção: Felipe Joffily (Brasil, 2013, 90min). 12 anos. Estreou em 17/1/2014.

Big Shopping 3, Itaú Power 6, BH Shopping 10, Minas Shopping 6, Pampulha Mall 4, Shopping Cidade 3, Shopping Estação BH 6, Via Shopping 5.

✪✪✪ Ninfomaníaca - Volume 1

O cineasta dinamarquês Lars von Trier dividiu o longa-metragem em duas partes, e há duas versões: uma com cortes e a outra integral (a ser lançada posteriormente). Conforme aponta o título, o drama narra a primeira parte da história e possui um desfecho arrebatador. Pelas primeiras duas horas, nota-se uma fluência narrativa, por vezes hipnótica, para contar a trajetória de Joe (Charlotte Gainsbourg). Essa mulher, encontrada ferida por Seligman (Stellan Skarsgard), decide abrir sua vida íntima para o estranho. Relembra sua infância e juventude e como o sexo entrou em seu cotidiano. Aos 15 anos (e interpretada por Stacy Martin), perdeu a virgindade com Jerôme (Shia LaBeouf), um mecânico que a deixou traumatizada. Há algumas transas explícitas, mas aquém da pornografia. Direção: Lars von Trier (Nymphomaniac — Vol. 1, Dinamarca/França/Inglaterra, 2013, 118min). 18 anos. Estreou em 10/1/2014.

Belas Artes 1, Cine CentoeQuatro.

✪✪ Operação Sombra - Jack Ryan

O primeiro filme com Jack Ryan, personagem criado pelo escritor Tom Clancy (1947-2013), foi em Caçada ao Outubro Vermelho, de 1990, com Alec Baldwin. Harrison Ford, na pele do protagonista, estrelou, em seguida, Jogos Patrióticos (1992) e Perigo Real e Imediato (1994). Em 2002, Ben Affleck o substituiu em A Soma de Todos os Medos. Eis que, doze anos depois, um novo e mais jovem ator assume o papel nesse novo longa-metragem da franquia. A decepção fica por conta da reciclagem de assuntos. Galã da vez, Chris Pine (o capitão Kirk, de Star Trek) é um universitário quando o thriller começa, em 2001. O jovem Ryan se forma, vira militar, vai lutar no Afeganistão, sofre um acidente e fica muito tempo em recuperação. No hospital, encanta-se com a doutora Cathy Muller (Keira Knightley). Corte para os dias de hoje. Eles se casaram e, recrutado por um experiente chefão da CIA (Kevin Costner), Ryan tem uma missão como agente secreto em Moscou. Trabalhando como corretor da Bolsa de Valores de Nova York, ele precisa descobrir se o empresário Viktor Cherevin (Kenneth Branagh) está envolvido em terrorismo. Além do passadista clima de Guerra Fria, Branagh (que "destruiu" o primeiro Thor) não possui talento para comandar cenas de ação. Contudo, o confronto de gerações, representadas por Costner e Pine, funciona bem. Direção: Kenneth Branagh (Jack Ryan: Shadow Recruit, EUA/Rússia, 2014, 105min). 14 anos. Estreou em 7/2/2014.

Dublado: Shopping Contagem 3, Minas Shopping 1, Shopping Cidade 2. Legendado: Itaú Power 1, BH Shopping 2, Boulevard 1, Del Rey 4, DiamondMall 6, Pátio Savassi 2, Ponteio 4, Shopping Estação BH 5.

✪✪✪ Quando Eu Era Vivo

Um dos gêneros menos constantes no cinema nacional é o terror. Por isso, chega a surpreender que este filme tenha um resultado sem nada a dever aos similares americanos. Os méritos são vários. Vão da direção estudada de Marco Dutra, passam pela atuação do trio de protagonistas (Marat Descartes, Antonio Fagundes e a cantora Sandy Leah) e terminam no acabamento técnico invejável para os padrões brasileiros — fotografia e efeitos de áudio, por exemplo, mostram qualidade. Embora o enredo seja inferior a Trabalhar Cansa, fita anterior do cineasta, o novo longa-metragem, no conjunto, possui mais harmonia e deve agradar a plateias maiores. A história, adaptada do livro A Arte de Produzir Efeito sem Causa, de Lourenço Mutarelli, tem início quando Júnior (Descartes) regressa ao apartamento do pai (Fagundes) em São Paulo, após se separar da mulher. Eles mantêm um convívio difícil, sobretudo porque o patriarca reconstruiu a vida depois da morte da esposa. Alugou um quarto para uma estudante de música (Sandy), aderiu à malhação e fica algumas noites na casa da namorada (Tuna Dwek). Júnior, ao contrário, está tomado por amargas e sinistras lembranças do passado, envolvendo seu irmão caçula e a mãe. Assim, afastou-se das ruas e da realidade. O clima de horror proporciona desconforto, a tensão aumenta e o desfecho acena para um drama familiar capaz de ampliar a reflexão do que se viu até então. Direção: Marco Dutra (Brasil, 2013, 109min). 12 anos. Estreou em 31/1/2014.

Cine CentoeQuatro.

✪✪ 47 Ronins

Entre as adaptações feitas da lenda japonesa encontra-se o clássico A Vingança dos 47 Ronin (1941), de Kenji Mizoguchi. Embora situada no Japão do século XVIII, esta versão do épico pretende conquistar o público jovem na base da ação e dos efeitos visuais, que remetem aos videogames. A trama começa quando o órfão Kai, ainda criança, passa a viver na aldeia de Ako, sob a proteção de lorde Asano (Min Tanaka). Adulto (e na pele de Keanu Reeves), esse mestiço é refutado pelos guerreiros. Contudo, consegue conquistar o coração de Mika (Ko Shibasaki), filha do líder. A chegada do xogum ao local trará um revés à história. Enfeitiçado por uma bruxa (Rinko Kikuchi), Asano tor­na-se violento e, como punição, precisa cometer haraquiri. Os samurais, sem o seu líder, viram os ronins do título, caem em desgraça e se dispersam. Um ano depois, o veterano Ôishi (Hiroyuki Sanada), inconformado com a situação, vai atrás de Kai para reunir o bando e vingar a morte de seu mestre. Se a lu­xuo­sa recriação de época é de encher os olhos, a sonolenta atuação de Reeves e a caricata feiticeira de Rinko Kikuchi (protagonista de Círculo de Fogo) depõem contra a fita. Direção: Carl Rinsch (47 Ronin, EUA, 2013, 118min). 14 anos. Estreou em 31/1/2014.

Dublado: Shopping Contagem 2, Pampulha Mall 5, Shopping Cidade 8, Shopping Estação bh 6, Shopping Norte 1, Via Shopping 1. Dublado, em 3D: Minas Shopping 1, Paragem 1. Legendado: Betim Shopping 1, Itaú Power 1, Boulevard 1.

✪✪✪ Tabu

Quatro anos separam Aquele Querido Mês de Agosto deste novo longa-metragem do diretor português Miguel Gomes. E quanta diferença. Antes pretensioso num enredo complexo, o realizador traz neste drama mais fluência para contar uma comovente história de amor. Criatividade e ousadia marcam presença na forma de apresentar o drama de Aurora. Na velhice, em Lisboa, a personagem interpretada por Laura Soveral se queixa da empregada cabo­-verdiana para a solidária vizinha (papel de Teresa Madruga). A segunda parte volta ao passado para flagrar a jovem Aurora (Ana Moreira) na África. Vivendo com o marido ao pé do fictício Monte Tabu, ela envolveu-se com um aventureiro (Carlotto Cotta). Com narração em off do cineasta, a fita mostra como nasceu e terminou o triângulo amoroso. Não há diálogos, apenas sons esporádicos de fundo, mas nem isso tira da trama seu caráter hipnótico. Direção: Miguel Gomes (Tabu, Brasil/Portugal/Alemanha/França, 2012, 118min). 14 anos. Estreou em 31/1/2014.

Belas Artes 2.

Tarzan - A Evolução da Lenda

Mais uma versão em desenho animado do personagem conhecido como o Rei da Selva. Na trama, um bebê é criado por gorilas e, ao crescer, torna-se arredio aos humanos. Em seu destino, porém, está enfrentar a empresa que pertenceu a seus pais. Direção: Reinhard Klooss (Tarzan, Alemanha, 2013, 94min). Livre. Estreou em 17/1/2014.

Dublado: Pampulha Mall 3.

✪✪✪ Trapaça

Além de ser candidato a melhor filme, tem quatro atores no páreo para o Oscar 2014: Amy Adams (melhor atriz), Christian Bale (melhor ator), Bradley Cooper (ator coadjuvante) e Jennifer Lawrence (atriz coadjuvante). As dez indicações recebidas pelo filme são exageradas se comparadas ao excepcional Gravidade, que obteve o mesmo número, mas David O. Russell (de O Lado Bom da Vida) demonstra talento nesta simpática "comédia de golpe", um subgênero tradicional no cinema. A trama envolve o casal de amantes Sydney (Amy) e Irving (Bale), especialista em passar a perna em otários, sobretudo na venda de quadros falsificados. Quando a malandragem é descoberta pelo agente do FBI Richie DiMaso (Cooper), os vigaristas precisam colaborar com o detetive. O plano consiste em pôr em maus lençóis o prefeito de Camden, Nova Jersey. Do golpe, participa um xeique de araque disposto a investir num cassino na região. Em meio às divertidas reviravoltas, entra em cena a bisbilhoteira esposa de Irving, interpretada por uma esfuziante Jennifer Lawrence. Ambientada em 1978, a história é embrulhada em impecável recriação de época e traz sensacional trilha sonora embalada por canções de Donna Summer, Tom Jones e Elton John. Direção: David O. Russell (American Hustle, EUA, 2013, 138min). 14 anos. Estreou em 7/2/2014.

BH Shopping 8, Boulevard 3, Del Rey 6, DiamondMall 1, Paragem 5, Pátio Savassi 6, Ponteio 1.

✪ Trem Noturno para Lisboa

Bille August (de A Casa dos Espíritos), diretor do drama, é dinamarquês. Embora a trama se passe em Portugal, todos os atores falam inglês, inclusive os figurantes. Jeremy Irons, britânico, interpreta Raimund Gregorius, um professor universitário... suíço. Ao salvar uma moça do suicídio em Berna, encontra no bolso do casaco dela um livro e uma passagem para Lisboa. Inspirado pela delicadeza do texto, decide ir atrás de seu autor. Lá, Gregorius depara com mistérios sobre o escritor Amadeu de Prado (Jack Huston), morto em 1974, ano da Revolução dos Cravos. Ele era um médico na ditadura de Salazar, envolveu-se com militantes e se apaixonou pela namorada (a francesa Mélanie Laurent) do melhor amigo (o alemão August Diehl). Um enredo passional pedia uma realização de alta voltagem política e romântica. No entanto, a condução do filme se caracteriza por um estilo gélido, que fica ainda mais comprometido por um elenco multinacional que não acrescenta veracidade aos personagens. Direção: Bille August (Night Train to Lisbon, Alemanha/Suíça/Portugal, 2013, 111min). 14 anos. Estreou em 31/1/2014.

Belas Artes 3.

Fonte: VEJA BELO HORIZONTE