Cinema

Cinema: programação para os dias 20 a 26 de dezembro

- Atualizado em

Divulgação
(Foto: Redação VejaBH)
› PRÉ-ESTREIA

Pais e Filhos

Um arquiteto bem-sucedido sofre um revés do destino ao saber que seu filho de 6 anos pertence a outro casal. O drama é do mesmo diretor de Ninguém Pode Saber (2004). Direção: Hirokazu Koreeda (Soshite chichi ni naru, Japão, 2013, 120min).

Belas Artes 1.

› ESTREIAS

✪✪ Minhocas

A dupla de diretores levou seis anos para concluir o trabalho. Em parte, o esforço foi compensado. Trata-se da primeira animação em longa-metragem em stop-motion (popularmente conhecida como a técnica de bonecos de massinha). Embora bem-feitinha, a fita não chega a empolgar, sobretudo pela mesmice e ingenuidade do roteiro. A trama, indicada apenas aos menorzinhos, traz Júnior, uma minhoca adolescente que, embora desprezada pelos colegas, quer ser a melhor das competições de patins. Acompanhado do amigo Nico, o protagonista é levado acidentalmente por uma escavadeira e vai parar nos subterrâneos. Lá, um tatu-bola quer se vingar das minhocas e os faz prisioneiros. Rita Lee (clique aqui para ler a entrevista) dubla Martha, a mãe de Júnior. Direção: Paolo Conti e Arthur Nunes (Brasil, 2013, 88min). Livre. Estreou em 20/12/2013.

BH Shopping 10, Boulevard Shopping 1, Del Rey 7, Minas Shopping 4, Pampulha Mall 1, Pátio Savassi 8, Shopping Cidade 1, Shopping Estação 6, Via Shopping 1.

✪✪✪ Questão de Tempo

+ Questão de Tempo mostra homem que tem o dom de voltar no tempo

Legendado: BH Shopping 7, DiamondMall 3, Pampulha Mall 4, Ponteio 2, Shopping Cidade 8.

Uma Estranha Amizade

O drama enfoca a relação que nasce entre Jane (Dree Hemingway), uma moça de 21 anos, e Sadie (Besedka Johnson), uma senhora de 85. Direção: Sean Baker (Starlet, EUA/Inglaterra, 2012, 103min).

Belas Artes 3.

✪✪✪ A Vida Secreta de Walter Mitty

Walter Mitty (Ben Stiller, também diretor) tem uma vida besta. Solteiro e à procura de uma namorada, trabalha no departamento de negativos da revista Life, em Nova York. Quando a publicação decide fechar e migrar para a internet, Walter fica responsável por encontrar a foto que vai estampar a última capa. Sem saber onde a deixou, decide ir atrás do fotógrafo Sean O'Connell (Sean Penn), um aventureiro que roda o mundo. Entre o humor e a emoção, Stiller acerta na mosca com sua comédia dramática. Com Kristen Wiig (The Secret Life of Walter Mitty, EUA, 2013, 114min). 10 anos. Estreou em 20/12/2013.

Dublado: Big Shopping 1, BH Shopping 6, Boulevard Shopping 2, Pampulha Mall 5, Pátio Savassi 4, Shopping Cidade 6, Shopping Estação 1, Shopping Norte 2. Legendado: Itaú Power 5, BH Shopping 5, Boulevard Shopping 2, Del Rey 6, DiamondMall 1, Paragem 2, Pátio Savassi 3 e 7, Ponteio 4, Shopping Estação 1.

› EM CARTAZ

✪✪✪ Azul É a Cor Mais Quente

Entre outros prêmios, o drama levou a Palma de Ouro no Festival de Cannes deste ano. O diretor tunisiano Abdellatif Kechiche (de O Segredo do Grão) não se intimida em mostrar um relacionamento de mulheres com todos os pingos nos is. Vale o aviso: o longa-metragem possui três longas cenas de sexo bem pesadas com as protagonistas, Léa Seydoux e Adèle Exarchopoulos. Ambas também foram laureadas em Cannes. Magníficas, as duas entregam-se de corpo e alma ao papel. Jovem descobrindo a sexualidade, Adèle (papel da atriz homônima) está num momento complicado da vida. Ela tem um namoradinho, mas nenhum prazer no sexo. Seu cotidiano muda radicalmente ao se aproximar de Emma (Léa), uma lésbica mais velha e assumida. O roteiro é elíptico: são etapas de um relacionamento construído de afinidades, rusgas e rupturas. Não fosse o erotismo explícito, o drama passaria por um arguto registro realista do amor, suas vertentes e fases. Prevaleceu, contudo, a polêmica. Direção: Abdellatif Kechiche (La Vie d'Adèle, França/Bélgica/Espanha, 2013, 179min). 18 anos. Estreou em 6/12/2013.

Belas Artes 2.

✪✪✪ Blue Jasmine

Cate Blanchett, em atua­ção formidável, interpreta a Jasmine do título, uma mulher que se casou com um investidor rico de Nova York (papel de Alec Baldwin) e levava um dia a dia de compras em lojas de grife. Quando a comédia dramática se inicia, Jasmine está chegando a São Francisco para passar uma longa temporada na casa da irmã, Ginger (Sally Haw­kins). O mundo da socialite desabou. Para explicar como Jasmine perdeu tudo, Allen recorre a flashbacks. Na abordagem dos relacionamentos conjugais, a trama trata da traição de variadas formas e, seja no riso nervoso, seja no drama pessoal, Allen continua afiado. Direção: Woody Allen. (Blue Jasmine, EUA, 2013, 98min). 12 anos. Estreou em 15/11/2013.

Legendado: Belas Artes 1, Ponteio 2.

Bons de Bico

Para não virarem almoço no Dia de Ação de Graças, dois perus que não se bicam juntam forças para escapar do abate. Na animação, a dupla viaja no tempo para mudar o curso da história. Direção: Jim­my Hayward (Free Birds, EUA, 2013, 92min). Livre. Estreou em 8/11/2013.

Dublado: Betim Shopping 2, Itaú Power 1, Pampulha Mall 4, Paragem 3.

✪✪✪✪ Capitão Phillips

Em abril de 2009, o comandante americano Richard Phillips (Tom Hanks) é incumbido de levar um navio de contêineres do Porto de Omã ao Quênia. Ele lidera a tripulação com ordens rígidas e fica apreensivo quando percebe que piratas estão vindo em direção ao cargueiro. Embora seus homens sejam ágeis, quatro criminosos somalis conseguem invadir a embarcação e, armados, fazem Phillips e seus subordinados reféns. Se, em seus quinze minutos iniciais, o roteiro explora um ameno clima de suspense, o restante da história será capaz de fazer a plateia suar na poltrona. Nas mãos de um quarteto sem nada a perder, o protagonista tenta driblar a expe­riên­cia do líder, Muse (Barkhad Abdi), para ganhar tempo e proteger seus tripulantes. Um dos mais certeiros diretores da atualidade, o inglês Paul Green­grass (de Voo United 93 e O Ultimato Bourne) tem pleno domínio técnico em seu sufocante registro de uma história real encenada com ares documentais. A tensão do drama só aumenta conforme a trama avança. Na derradeira cena, Tom Hanks demonstra por que merece receber sua sexta indicação ao Oscar. Direção: Paul Greengrass (Captain Phillips, EUA, 2013, 134min). 14 anos. Estreou em 8/11/2013.

DiamondMall 6.

✪✪ Carrie, a Estranha

O livro de Stephen King e a realização de Brian De Palma fizeram um casamento perfeito em Carrie, a Estranha, de 1976. Imitado, homenageado e satirizado, o filme de terror virou cult. Quase quarenta anos depois, alguém inventa de fazer uma refilmagem. Nada contra remakes, desde que tragam renovação ou atualização à matriz. O problema aqui é justamente este: ser uma cópia fiel, porém pálida. Em alguns quesitos, mostra-se muito inferior ao original. A começar pela protagonista: Chloë Grace Moretz, de 16 anos, possui aparência de menina de boa família, ao contrário de Sissy Spacek, a primeira Carrie. Embora seja uma atriz competente em outros trabalhos (como Kick-Ass), Chloë não convence como a esquisita Carrie, a jovem que sofre bullying das colegas de escola. Quando contrariada, tem seu poder telecinético atiçado. O mal vem, em parte, da educação repressora da mãe, uma fanática religiosa interpretada por Julianne Moore. Os efeitos visuais, claro, ganharam um upgrade, mas o sabor requentado prevalece. Direção: Kimberly Peirce (Carrie, EUA, 2013, 100min). 16 anos. Estreou em 6/12/2013.

Dublado: Minas Shopping 4, Pampulha Mall 1, Shopping Cidade 3, Shopping Estação 5, Via Shopping 1. Legendado: Pátio Savassi 8.

Como Não Perder Essa Mulher

O ator Joseph Gordon-Levitt (A Origem) estreia na direção de um longa-metragem nesta comédia romântica de premissa instigante. Ele próprio interpreta Jon, um sedutor profissional que, embora hábil na paquera, gosta mesmo de pornografia. Seu destino, porém, sofre um revés ao conhecer a estonteante Barbara (Scarlett Johansson), uma mulher difícil de ser conquistada. Com Julianne Moore. Direção: Joseph Gordon-­Levitt (Don Jon, EUA, 2013, 90min). 16 anos. Estreou em 6/12/2013.

Shopping Cidade 5.

✪ Crô

A novela Fina Estampa foi exibida na Globo entre agosto de 2011 e março de 2012. Únicos personagens memoráveis (e olhe lá) do folhetim, Crô (Marcelo Serrado) e Baltazar (Alexandre Nero) ganharam uma comédia própria. Na trama, o espalhafatoso homossexual Crô herdou a fortuna da ex-patroa Tereza Cristina, mudou-se do Rio de Janeiro para São Paulo e não sabe o que fazer com a grana. Tenta ser cantor, cabeleireiro, estilista e... só joga dinheiro fora. Eis, então, que acha uma solução: voltar a ser mordomo. Crô ainda mantém uma relação de amor e ódio com o homofóbico e mal-humorado Baltazar, agora seu motorista particular. A parte cômica não rende nem sorrisos amarelos e, para piorar, enxertaram no enredo uma deslocada subtrama policialesca. A personagem de Carolina Ferraz é dona de uma confecção e, ao lado do marido (Milhem Cortaz), escraviza imigrantes bolivianas. Direção: Bruno Barreto (Brasil, 2013, 86min). 12 anos. Estreou em 29/11/2013.

Betim Shopping 2, Big Shopping 4, BH Shopping 1, Boulevard Shopping 1, Del Rey 4, Minas Shopping 6, Paragem 4, Shopping Estação 6, Via Shopping 5.

Educação Sentimental

Professora solitária, Áurea mantém uma estranha relação com um jovem que conheceu por acaso. Fica encantada pela beleza da vida, mas uma história do passado vem à tona. O diretor carioca deste drama tem uma sólida carreira desde a década de 60 e entre seus filmes mais recentes estão Cleópatra (2007) e A Erva do Rato (2008). Com Josie Antello, Bernardo Marinho e Débora Olivieri. Direção: Julio Bressane (Brasil, 2013, 84min). 12 anos. Estreou em 13/12/2013.

Cine CentoeQuatro.

✪✪✪ Um Estranho no Lago

O jovem Franck (Pierre Deladonchamps) está desempregado e, no verão, começa a frequentar diariamente um lago onde ocorre intensa paquera entre ho­mos­se­xuais. Seu primeiro encontro é com um quarentão gorducho, de poucas palavras e recém-separado da mulher. Franck não sente nenhuma atração pelo desconhecido, mas faz dele um amigo e confidente. Seu desejo concentra-se no bigodudo Michel (Christophe Paou). Como o protagonista está numa espiral de descontentamento e obcecado em achar um parceiro, acaba se envolvendo com a pessoa errada. O suspense está impregnado em quase toda a trama, assim como o homoerotismo se faz presente. Pode ter sido um exagero da revista francesa Cahiers du Cinéma escolher o longa-metragem como o melhor do ano. As qualidades, contudo, são evidentes. Além da ousadia na abordagem do tema (há, inclusive, cenas de sexo explícito), o diretor Alain Guiraudie consegue manter a plateia plugada até a derradeira cena. Direção: Alain Guiraudie (L'In­con­nu du Lac, França, 2013, 97min). 18 anos. Estreou em 13/12/2013.

Belas Artes 1.

✪✪✪ O Exercício do Caos

Frederico Machado é o que se pode chamar de "guerrilheiro" do cinema nacional. Além de possuir uma distribuidora de filmes de arte (a Lume) e uma sala em São Luís, esse maranhense fez seu primeiro longa-metragem de forma independente, sem patrocínios, leis de incentivo ou editais. Diretor e roteirista, Machado também se encarregou da bela fotografia do drama íntimo. A trama foca um pai (Auro Juriciê) e suas três filhas que sobrevivem da árdua produção de farinha de mandioca num casebre no interior do Maranhão. Após o sumiço da mulher, o protagonista virou um homem amargo, solitário e de raros papos com suas garotas. Como ele, as meninas não têm nenhum convívio social. Entre a poesia e a tragédia, o realizador mede a ambição para mostrar uma triste realidade, contada de forma plasticamente sedutora e com acertado elenco de não profissionais.Direção: Frederico Machado (Brasil, 2013, 70min). 16 anos. Estreou em 8/11/2013. Cine CentoeQuatro.

✪✪✪ O Hobbit - A Desolação de Smaug

Quem achou arrastado o primeiro capítulo da trilogia, lançado um ano atrás, pode dar uma chance a Peter Jackson. O diretor neozelandês recuperou quase tudo o que os três longas-metragens da série O Senhor dos Anéis tinham de bom: ritmo ágil, fantasia ilimitada, efeitos visuais de primeira e uma narrativa envolvente. Apesar de longo, o segundo episódio inspirado em O Hobbit, livro de J.R.R. Tolkien, contém qualidades que fazem o tempo passar rapidinho. O realizador dá continuidade à saga do rei Thorin (Richard Armitage), que quer recuperar o reino de Erebor, tomado pelo dragão Smaug. Para isso, conta com a ajuda do hobbit Bilbo Bolseiro (Martin Freeman) e de um grupo de anões. Na aventura até lá, eles enfrentam situações de perigo. Além de serem atacados pelos grotescos orcs, viram prisioneiros de elfos. A salvação chega por meio de um barqueiro, interpretado por Luke Evans. Se há uma sequência para reter na memória, é a fuga dos amigos em barris, deslizando pela correnteza de um rio. Direção: Peter Jackson (The Hobbit: The Desolation of Smaug, EUA/Nova Zelândia, 2013, 161min). 12 anos. Estreou em 13/12/2013.

Dublado: Betim Shopping 1, Big Shopping 2, BH Shopping 10, Minas Shopping 3, Pampulha Mall 2 e 6, Shopping Cidade 7, Via Shopping 2. Dublado, em 3D: Big Shopping 5, Itaú Power 6, BH Shopping 3, Boulevard Shopping 6, Del Rey 1, DiamondMall 5, Minas Shopping 1, Paragem 1, Pátio Savassi 3, Shopping Cidade 4, Shopping Estação 3 e 4, Shopping Norte 1, Via Shopping 4. Legendado: Itaú Power 4 e 6, BH Shopping 4, Boulevard Shopping 3, Del Rey 3, DiamondMall 4, Pampulha Mall 6, Paragem 3, Pátio Savassi 6, Ponteio 1. Legendado, em 3D: BH Shopping 2, Boulevard Shopping 6, Del Rey 1, DiamondMall 5, Minas Shopping 1, Paragem 1, Pátio Savassi 5, Ponteio 3, Shopping Cidade 4, Shopping Estação 4, Via Shopping 4.

✪✪ Jackass Apresenta Vovô sem Vergonha

A fórmula do programa e dos filmes Jackass de submeter os integrantes da trupe a tarefas estupidamente perigosas está esgotada? Ao menos é o que parece quando se assiste à nova comédia do grupo. "Inspirado" na proposta de humor de Sacha Baron Cohen em Borat e Bruno, o líder do Jackass, Johnny Knoxville, tenta revitalizar sua filmografia com uma mistura de pegadinhas e ficção. A trama mostra a relação que nasce entre um vovô amoral (Knoxville) e seu fofo netinho (Jackson Nicoll). Como a irresponsável mãe do menino não pode mais cuidar dele, o velhote se encarrega de entre­gá-lo ao pai. Numa longa viagem de carro pelos Estados Unidos, a dupla vai colocar os americanos diante das câmeras em situações ora incômodas, ora ridículas. Se o filme ganha alguns pontos nas apelações politicamente incorretas, perde outros tantos na falta de graça nas cenas escatológicas. Se há algo relevante é o desempenho do garoto, um comediante mirim com raro talento para o improviso. Direção: Jeff Tremaine (Jackass Presents: Bad Grandpa, EUA, 2013, 92min). 14 anos. Estreou em 29/11/2013.

Legendado: Del Rey 7, Shopping Estação 5.

✪✪ Jogos Vorazes - Em Chamas

Nesta segunda parte da cinessérie de ficção científica iniciada em 2013, praticamente 45 minutos do filme são dedicados a explicar o que aconteceu a Katniss Everdeen (Jennifer Lawrence, sempre uma atriz vigorosa) e Peeta Mellark (Josh Hutcher­son), após eles terem burlado as regras e, assim, vencido a 74a competição dos 74 jogos. Vindos do Distrito 12, eles se passam por namorados e posam de celebridade. Mas o Presidente Snow (Donald Sutherland) não está contente com a situação fora da Capital. Os outros distritos, revoltados, estão armando uma rebelião. Eis, então, que ele tem a ideia de jogar novamente Katniss na arena mortal. O 75º torneio só terá vencedores das outras edições e, com poucas chances de sobreviver, ela possivelmente seria morta. Uma hora dos longos 146 minutos da história é ambientada numa floresta onde ocorre o famigerado torneio. Há efeitos digitais fantasiosos para assustar os competidores, a exemplo de macacos ferozes e uma névoa venenosa. Para tudo isso existe uma explicação que, confusamente, surge nos minutos finais. A direção de arte mantém um pé na cafonalha, e a maquiagem de alguns personagens ultrapassa o limite da caricatura. Mesmo assim, os fãs da trilogia de livros de Suzanne Collins estão aprovando a adaptação, que conquistou, em seu primeiro fim de semana no Brasil, mais de 1 milhão de espectadores. Espere pela continuação da saga em 2014 e, pelo desfecho, em 2015 (a terceira parte será dividida em duas). Direção: Francis Law­rence (The Hunger Games — Catching Fire, EUA, 2013, 146min). 14 anos. Estreou em 15/11/2013.

Dublado: Betim Shopping 2, Del Rey 2, Minas Shopping 5, Shopping Cidade 8, Shopping Estação 5, Shopping Norte 5. Legendado: Itaú Power 2, Boulevard Shopping 4, Pátio Savassi 4.

✪✪ Meu Passado Me Condena

A comédia romântica não esconde sua origem. Trata-se de uma versão para o cinema do seriado homônimo do canal Multishow. Na trama, Fábio (papel de Fábio Porchat) e Miá (a atriz Miá Mello) se casam e passam a lua de mel a bordo de um navio rumo à Itália. Embora apaixonados, são levados à tentação por outro casal. Beto (Alejandro Claveaux), um ex-­namorado de Miá, virou um empresário saradão. A mulher dele, Laura (Juliana Didone), foi o grande amor de infância do protagonista. Seguem-se, então, os vaivéns afetivos de praxe, entremeados de boas tiradas de Porchat. Direção: Julia Rezende (Brasil, 2013, 102min). 12 anos. Estreou em 25/10/2013.

Itaú Power 1, Del Rey 4, Minas Shopping 6, Paragem 4, Shopping Cidade 1, Via Shopping 5.

✪✪ Renoir

Na Riviera Francesa de 1915, Pierre-Auguste Renoir (Michel Bouquet) atravessa uma das fases mais difíceis de sua vida — o pintor morreria em 1919, aos 78 anos. Viúvo e cercado de empregadas, ele sofre de artrite, que o impede de segurar o pincel a contento. A vinda da aspirante a atriz, cantora e dançarina Andrée Heuschling (Christa Theret) dá novos ares ao ambiente. Ela servirá como modelo nas telas de nudez do mestre impressionista. A ambiciosa moça também se jogará nos braços de Jean (Vincent Rottiers), o filho de Renoir que voltou da guerra ferido. Parecia muito promissor um drama biográfico sobre duas celebridades francesas — Jean Renoir (1894-1979) se tornou um famoso cineasta na década de 30 e dirigiu A Grande Ilusão e A Regra do Jogo. Embora com deslumbrante fotografia, o filme tem no disperso roteiro seu maior defeito. Enquanto o romance entre os jovens toma tempo e pouco acrescenta à trama, o velho Renoir aparece para pintar, reclamar das dores e dizer frases de efeito. Direção: Gilles Bourdos (Renoir, França, 2012, 111min). 14 anos. Estreou em 12/7/2013.

DiamondMall 6.

✪ Tokiori - Dobras do Tempo

Os enquadramentos são impecáveis e há uma beleza contemplativa da região de Graminha, um bairro rural distante 45 quilômetros da cidade de Marília. Ao focalizar no documentário cinco famílias de imigrantes japoneses, cujos primeiros membros chegaram ao Brasil na década de 30, o diretor se perde em entrevistas arrastadas, repetitivas e de interesse muito restrito. Direção: Paulo Pastorelo (Brasil, 2012, 106min). Livre. Estreou em 22/11/2013.

Cine CentoeQuatro.

✪✪✪ Thor - O Mundo Sombrio

Quando foi lançado, há dois anos, Thor não era bem o que os fãs esperavam. Com diálogos pomposos e direção de arte puxada para o brega, Kenneth ­Branagh causou frustração atrás das câmeras. A se­quên­cia da aventura traz o mesmo elenco, um novo cineasta (Alan Taylor, vindo da TV) e melhorias em todos os setores. Além de um roteiro mais enxuto e compreensível para os não iniciados, o visual carregado passou por uma faxina geral. Os efeitos especiais mantêm a qualidade, assim como o humor, introduzido em espirituosas piadinhas. Na trama, Odin (Anthony Hopkins), rei de Asgard, está decidido a ceder o trono ao filho Thor (Chris Hems­worth). O irmão dele, o ambicioso Loki (Tom Hid­dleston), foi feito prisioneiro e, assim, a paz voltou a reinar por lá. Até o surgimento de Malekith (Christopher Eccleston). Esse vilão enfurecido quer recuperar uma poderosa força maligna que, surpresa!, se instalou no corpo de Jane Foster (Natalie Portman), a terráquea por quem Thor se apaixonou. Atenção: não saia da sala antes do término dos créditos, porque há uma última cena para deixar a plateia com o coração aquecido. Direção: Alan Taylor (Thor: The Dark World, EUA, 2013, 112min). 12 anos. Estreou em 1º/11/2013.

Dublado: Itaú Power 2, Minas Shopping 5, Shopping Cidade 3, Shopping Norte 3.

✪✪ Última Viagem a Vegas

A comédia tem, simplesmente, quatro vencedores do Oscar: Kevin Kline (Um Peixe Chamado Wanda), Robert De Niro (Touro Indomável), Michael Douglas (Wall Street) e Morgan Freeman (Menina de Ouro). Por reunir um talentoso e premiado quarteto, esperava-se algo melhor desta anêmica trama. Desde as primeiras cenas com os astros, dá para notar a mesmice na estereotipada apresentação dos personagens. Amigos desde a infância, eles envelheceram e moram em cidades distintas. Mais bem-sucedido do grupo, o empresário Billy (Douglas) ainda está solteiro, mas vai se casar com uma mulher que tem idade para ser sua filha. A fim de comemorar a união, convida seus três companheiros para uma despedida de solteiro em Las Vegas. Conservadora e muitas vezes previsível, a história acena com um desfecho melodramático para encerrar com lagriminhas a "sessão da tarde" da terceira idade. Direção: Jon Turteltaub (Last Vegas, EUA, 2013, 105min). 12 anos. Estreou em 6/12/2013.

Dublado: Shopping Cidade 5, Shopping Estação 5. Legendado: BH Shopping 9, Boulevard Shopping 4, DiamondMall 6, Pátio Savassi 2, Shopping Cidade 5.

✪✪✪ Um Time Show de Bola

Coube a Juan José Campanella, o premiado diretor de O Filho da Noiva e O Segredo dos Seus Olhos, realizar um desenho animado com os requisitos básicos dos bons concorrentes americanos, como técnica impecável e ritmo pulsante em uma história divertida e comovente. Na trama, o garoto Amadeo trabalha no bar de um vilarejo argentino e mostra-se um expert no pebolim (conhecido como totó em alguns lugares). Ao vencer a disputa com o rival Colosso, receberá o troco muitos anos depois. Seu inimigo tornou-se o melhor jogador de futebol do mundo e, megalomaníaco e egocêntrico, voltou à cidade com gana de se exibir aos moradores. Direção: Juan José Campanella (Metegol, Argentina/Espanha, 2013, 106min). Livre. Estreou em 29/11/2013.

Dublado: Big Shopping 4, Shopping Norte 4.

Fonte: VEJA BELO HORIZONTE