Cinema

Cinema: programação para os dias 25 a 31 de outubro

- Atualizado em

Divulgação
(Foto: Redação VejaBH)

› PRÉ-ESTREIAS

Capitão Phillips

Baseado numa história real ocorrida em 2009, o drama mostra como um capitão (Tom Hanks) decidiu ser tomado como refém por piratas somalis em troca da liberdade da tripulação de seu navio. Direção: Paul Greengrass (Captain Phillips, EUA, 2013, 134min). 14 anos.

Boulevard 2, Del Rey 2, Pátio Savassi 6.

✪✪✪ Foxfire - Confissões de uma Gangue de Garotas

Laurent Cantet, diretor francês do ótimo Entre os Muros da Escola, muda de rumo ao filmar nos Estados Unidos (e em inglês) uma adaptação do livro de Joyce Carol Oates. Trata-se de uma história pungente e de fundo feminista sobre uma gangue de garotas criada a partir de um descontentamento geral, na década de 50. Narrada por Maddy (Katie Coseni), o drama mostra o surgimento desse grupo de adolescentes rebeldes, liderado por Legs (Raven Adamson). A menina propõe às colegas de escola, quase sempre espezinhadas pelos rapazes ou professores, que seja fundada uma irmandade secreta. Unidas intimamente, acabam por abandonar as famílias e o colégio para morar juntas num casarão decrépito. O objetivo delas converge na vingança contra senhores abusados. Para sobreviver, praticam pequenos roubos usando o poder de sedução. Direção: Laurent Cantet (Foxfire, França, 2012, 143min). 16 anos.

Belas Artes 3.

Mataram Meu Irmão

O documentário saiu vencedor do festival É Tudo Verdade 2013. O cineasta narrou a história do irmão, usuário de crack, que foi assassinado com sete tiros em 2001. A fita compõe um retrato da violência que domina a cidade de São Paulo. Direção: Cristiano Burlan (Brasil, 2013, 77min).

Cine CentoeQuatro.

✪ Wrong

Dolph Springer (Jack Plotnick) acorda e, ao descobrir que seu cachorro desapareceu, entra em parafuso. O mundo já não é como antes sem o animal de estimação. Chove torrencialmente dentro da agência de turismo onde ele não trabalha mais, uma atendente de pizzaria larga o marido para viver ao seu lado, um pinheiro de Natal cresce no lugar de uma palmeira e as pessoas falam o que realmente pensam. O início da comédia, dirigida pelo músico francês Quentin Dupieux (também conhecido por Mr. Oizo), é uma deliciosa ode ao nonsense. Não demora, contudo, para a loucura virar maneirismo e desandar a trama sem compromisso nenhum com a realidade. Direção: Quentin Dupieux (Wrong, França/EUA, 2012, 94min). 14 anos.

DiamondMall 6.

› ESTREIAS

Juan e Evita - Uma História de Amor

O drama concentra-se nos dezoito meses em que o caudilho Juan Domingo Perón conhece Eva Duarte, uma atriz de rádio em ascensão, e se apaixona por ela, dando início a uma das mais famosas histórias de amor da Argentina. Direção: Paula de Luque (Juan e Eva, Argentina, 2011, 104min). 12 anos.Estreou em 25/10/2013.

Belas Artes 2.

✪✪ Meu Passado Me Condena

A comédia romântica não esconde sua origem. Trata-se de uma versão para o cinema do seriado homônimo do canal Multishow cuja segunda temporada estreia na quarta (30). Na trama, Fábio (papel de Fábio Porchat — leia entrevista com o ator na pág. 101) e Miá (a atriz Miá Mello) se casam e passam a lua de mel a bordo de um navio rumo à Itália. Embora apaixonados, são levados à tentação por outro casal. Beto (Alejandro Claveaux), um ex-namorado de Miá, virou um empresário saradão. A mulher dele, Laura (Juliana Didone), foi o grande amor de infância do protagonista. Seguemse, então, os vaivéns afetivos de praxe, entremeados por boas tiradas de Porchat. Direção: Julia Rezende (Brasil, 2013, 102min). 12 anos. Estreou em 25/10/2013.

Betim Shopping 3, Big Shopping 1, Itaú Power 4, BH Shopping 2 e 9, Boulevard 1, Del Rey 6, DiamondMall 1, Minas Shopping 3, Paragem 4, Pátio Savassi 5 e 8, Shopping Cidade 7, Shopping Estação 3, Via Shopping 1.

Silent Hill - Revelação

Aproveitando a franquia de terror iniciada em 2006, a trama traz como protagonista a jovem Heather Mason (Adelaide Clemens). Ela e seu pai passaram a vida fugindo de forças estranhas. Quando ele desaparece, Heather vai descobrir fatos que a atormentam desde a infância. Direção: Michael J. Bassett (Silent Hill: Revelation, EUA/França/Canadá, 2012, 94min). 16 anos. Estreou em 25/10/2013.

Dublado, em 3D: Itaú Power 6, Del Rey 1, Shopping Cidade 5. Legendado: BH Shopping 7.

✪✪ O que Se Move

Coragem não falta ao longa de estreia do capixaba Caetano Gotardo. Entre o drama realista e o musical (!), o realizador combina gêneros de maneira inusitada e nem sempre fluente. Por isso, tende a dividir opiniões e a provocar desconforto. Os três episódios mostram situações quase banais que, inesperadamente, se tornam trágicas. Relações entre mãe e filho funcionam como elo entre as narrativas, inspiradas em notícias de jornal. No primeiro segmento, o mundinho tranquilo de uma dona de casa (interpretada pela cantora Cida Moreira) estremece com a revelação de que seu filho adolescente estaria envolvido em um crime chocante. Os demais capítulos seguem nessa marcha, fragilizados por atuações irregulares e diálogos truncados. Quem relevar esses e outros problemas de encenação (não são poucos) descobrirá um diretor disposto a incomodar o público sem sensacionalismo. Direção: Caetano Gotardo (Brasil, 2012, 110min). 14 anos.Estreou em 25/10/2013.

Cine CentoeQuatro.

O Verão da Minha Vida

Na comédia dramática, Duncan (Liam James) tem 14 anos e não suporta Trent (Steve Carell), o namorado de sua mãe (Toni Collette). Numa viagem durante o verão, o garoto, sentindo-se deslocado, acaba fazendo amizade com Owen (Sam Rockwell), que trabalha num parque de diversões aquático. Direção: Nat Faxon e Jim Rash (The Way Way Back, EUA, 2013, 106min). 12 anos. Estreou em 25/10/2013.

Ponteio 4.

› EM CARTAZ

✪✪✪✪ Anos Incríveis

O diretor Michel Leclerc já havia acertado em Os Nomes do Amor (2010) e agora faz um registro saboroso nesta comédia dramática inspirada em fatos verídicos. Ambientada em 1996, a história segue o jovem Victor, interpretado pelo enérgico Félix Moati, indicado ao César 2013 de revelação masculina. Ele sai da casa da família, no interior da França, ao descolar um estágio no programa de TV de uma badalada apresentadora (Emannuelle Béart). Com uma tremenda vontade de ser cineasta, o rapaz encontra numa trupe de esquerdistas radicais seu habitat em Paris. Jean-Lou (Eric Elmosnino) e Yasmina (Mäiwenn) são os líderes de uma atração pirata cujo charme vem da mistura anárquica de humor e política — algo na linha do CQC. Ao conhecer Clara (Sara Forestier), Victor une as sensações do primeiro amor à paixão por um trabalho que ele e seus parceiros julgam revolucionário. Em uma reflexão astuta sobre a crise do então governo do presidente Jacques Chirac, o enredo é crítico e simpático, esfuziante e contemplativo, qualidades difíceis de ser encontradas em um único longa-metragem. Direção: Michel Leclerc (Télé Gaucho, França/Bélgica, 2012, 108min). 14 anos.

Belas Artes 1, Ponteio 3.

✪ Diana, de Oliver Hirschbiegel

(Diana, Inglaterra/França/Suécia/Bélgica, 2013, 113min). 12 anos. Estreou em 18/10/2013. Boulevard 4, Del Rey 7, DiamondMall 3, Paragem 5, Ponteio 1.

✪✪ Bastardos, de Claire Denis (Les Salauds, França/Alemanha, 2013, 83min). 18 anos.

Estreou em 18/10/2013. Belas Artes 3.

✪ Aposta Máxima

Justin Timberlake não será indicado ao Oscar, um de seus sonhos, por seu papel neste thriller. Muito menos Ben Affleck, aprovado como diretor em Argo, vai convencer os fãs de que pode ser o novo Batman. Ambos ligaram o piloto automático na canastrice e caíram numa cilada. O longa-metragem de Brad Furman (O Poder e a Lei) tem uma trama corroída pelos clichês e estereótipos gritantes do povo da Costa Rica, cenário principal da trama (na verdade, as filmagens foram em Porto Rico). Richie Furst (Timberlake) estuda em Princeton e, sem grana para pagar a universidade, incentiva os colegas a jogar num cassino pela internet. Quando o diretor descobre seu jeitinho de ganhar dinheiro, dá-lhe um ultimato para que encerre a atividade ilegal. O aluno, então, perde tudo numa aposta, mas percebe ter sido trapaceado pelo site. Vai, então, em busca do empresário por trás da jogatina virtual. Trata-se do dissimulado Ivan Block (Affleck), um homem procurado pelo FBI e muito bem instalado na Costa Rica. Furst recebe seu dinheiro de volta, mas, movido pela ambição, passa a trabalhar para Block. A partir daí, o roteiro entrega situações previsíveis numa realização de apelo cafona. Direção: Brad Furman (Runner Runner, EUA, 2013, 91min). 12 anos. Estreou em 4/10/2013.

Pátio Savassi 2.

✪✪ Aviões

A história da nova animação da Disney é tão comum que pode ser resumida em poucas linhas. Teco-teco que trabalha como pulverizador, Dusty tem um sonho: participar de um ­rali aéreo. O enredo lembra muito o de Turbo, no qual um caracol queria disputar a Fórmula Indy. Mas, ao contrário do concorrente, Aviões tem poucas piadinhas espertas e parece planar numa fórmula muito manjada. Resta, então, contemplar o belo visual. No circuito da corrida pelos ares, os competidores vão da Índia (com vista de tirar o fôlego do Taj Mahal) ao deserto mexicano, passando por uma divertida escala de Dusty no Tibete. Direção: Klay Hall (Planes, EUA, 2013, 91min). Livre. Estreou em 13/9/2013.

Dublado: Pampulha Mall 1.

✪✪✪ Os Belos Dias

Caroline (Fanny Ardant) tem 60 anos, duas filhas na faixa dos 30, é casada e dentista aposentada. Além de ter perdido a melhor amiga para o câncer meses atrás, seu cotidiano caiu na mesmice. Ela começa a frequentar um clube da terceira idade e acaba sentindo atração por Julien (Laurent Lafitte), um jovem professor de informática. O cara corresponde com beijos, amassos e sexo casual. Ele está a fim de uma aventura. Caroline, por sua vez, redescobriu a paixão nos braços de um homem com idade para ser seu filho. A diretora Marion Vernoux acerta no tom do romance. Não há julgamentos morais e, sim, uma prudente reflexão sobre o desgaste das relações conjugais e a descoberta de novos prazeres numa faixa etária na qual muitos entregam os pontos. Luminosa numa cabeleira loira, a classuda Fanny Ardant, viúva do ci­neas­ta François Truffaut (1932-1984), encontra aqui uma personagem que, sem cair na vulgaridade, irradia felicidade pelas ruas de Dunquerque, no norte da França. Direção: Marion Vernoux (Les Beaux Jours, França, 2013, 94min). 14 anos. Estreou em 11/10/2013.

Belas Artes 3, Ponteio 4.

✪✪ As Bem-Armadas

De um lado está Sandra Bullock, uma estrela do primeiro time, vencedora do Oscar de melhor atriz (por Um Sonho Possível). Na outra ponta, aparece a gorducha Melissa McCarthy, projetada em Missão Madrinha de Casamento (2011) e, recentemente, alçada à condição de protagonista de comédia. O embate das duas rende alguns momentos divertidos. Contudo, fica difícil encontrar alguma originalidade na história. Repare na mesmice do enredo: Sandra interpreta Sarah Ashburn, uma agente do FBI que usa terninhos impecáveis e desvenda crimes na base da metódica intuição. Para conquistar uma promoção, ela sai de Nova York para fazer uma investigação em Boston. Lá, precisa contar com a ajuda da esculachada Shannon Mullins (Melissa). Essa policial tem irmãos de caráter duvidoso, jeitão masculinizado e resolve as paradas no braço. A docilidade de uma e a rigidez da outra criam lugares-comuns, incluindo um estereotipado porre num bar. Direção: Paul Feig (The Heat, EUA, 2013, 117min). 12 anos. Estreou em 20/9/2013.

Dublado: Itaú Power 2. Legendado: Betim Shopping 2.

Conexão Perigosa

Adam Cassidy (Liam Hemsworth) quer subir na empresa em que trabalha, mas, ao cometer um erro, entra para a lista negra do CEO Nicholas Wyatt (Gary Oldman). O chefe, então, faz chantagem com o subordinado, querendo que ele seja espião numa corporação concorrente. O thriller ainda traz Harrison Ford no elenco. Direção: Robert Luketic (Paranoia, França/EUA, 2013, 106min). 12 anos. Estreou em 18/10/2013.

Pátio Savassi 4.

✪ Cores

O primeiro longa do paulistano Francisco Garcia traz um tema contundente: o desencanto de brasileiros que, sem grana ou perspectivas, ficaram à margem do avanço econômico das últimas décadas. A provocação, no entanto, se esgota nos primeiros minutos de um enredo de poucas ideias. Rodado em preto e branco, o drama retrata o cotidiano vazio de três amigos, todos na faixa dos 30 anos. Luca (papel de Pedro di Pietro) tenta abrir uma pequena loja de tatuagens, mas não consegue sair da barra da saia da avó (Maria Célia Camargo). Os namorados Luiz (Acauã Sol) e Laura (Simone Iliescu) também estão numa pior. Ele se envolve com bandidos para engordar o salário de balconista, enquanto ela mata o tempo fotografando aviões no Aeroporto de Congonhas. O clima baixo-astral toma conta da narrativa, que não oferece conflitos nem saída para os personagens. Direção: Francisco Garcia (Brasil, 2013, 92min). 16 anos. Estreou em 10/5/2013.

Pátio Savassi 2.

Dragon Ball Z - A Batalha dos Deuses

Sucesso entre as crianças nascidas nos anos 90, o desenho de ação japonês acompanha o personagem Goku. Anos após uma violenta batalha que quase dizimou a Terra, outra ameaça desperta para preocupar o herói: Bills, o Deus da Destruição. Os dubladores são os mesmos da versão brasileira da série de TV. Direção: Masahiro Hosoda (Dragon Ball Z — Battle of Gods, Japão, 2013, 85min). Livre. Estreou em 11/10/2013.

Dublado: Betim Shopping 1, Minas Shopping 2, Paragem 3, Shopping Cidade 1, Shopping Estação 1, Via Shopping 2.

✪✪ Elysium

O diretor sul-africano Neill Blomkamp fez uma estreia vistosa, quatro anos atrás, com a ficção científica Distrito 9. Retoma agora o gênero, mas sem a mesma originalidade e com uma teoria de futuro um bocado ingênua. A ação se passa na Los Angeles de 2154, um lugar onde os pobres sobrevivem de migalhas e, para ganhar uma grana, entram para a criminalidade. Max (Matt Damon) saiu da cadeia, arranjou emprego numa fábrica de robôs e se afastou dos amigos marginais. Contudo, uma mudança radical em sua vida o fará buscar ajuda em Elysium. Trata-se de uma estação espacial cujos ricos habitantes têm como maior privilégio ter uma máquina capaz de curar qualquer tipo de doença. Além de procurar o tratamento para si, Max quer salvar a pequena filha de uma amiga de infância (Alice Braga). Para chegar ao destino, o protagonista precisa da colaboração de um hacker dissimulado, interpretado por Wagner Moura. Se Sharlto Copley (a revelação de Distrito 9), no papel de um mercenário, e Moura optam por atuações estridentes, a senadora feita por Jodie Foster cai no estereótipo da mandachuva gélida. O ritmo da narrativa tem seus tropeços e o visual, às vezes fascinante, ganha torpedos barulhentos para comprovar o poder dos efeitos especiais. Direção: Neill Blomkamp (Elysium, EUA, 2013, 109min). 12 anos. Estreou em 20/9/2013.

BH Shopping 7, Pátio Savassi 6.

✪✪✪✪ Frances Ha

Depois de A Lula e a Baleia (2005), o diretor Noah Baumbach não acertou mais a mão. Mas ressurge agora com uma adorável comédia dramática filmada em preto e branco. Frances, interpretada pela graciosa Greta Gerwig, tem 27 anos e estuda numa companhia de balé na esperança de ser uma profissional. Trata-se, enfim, de uma sonhadora sem grana cuja amizade por Sophie (Mickey Sumner) é aparentemente inabalável. Um dia a amiga avisa: vai sair do Brooklyn, onde elas dividem um apartamento, e se mudar para Manhattan. Frances, porém, consegue um canto na casa de dois amigos. Também roteirista, Baumbach segue a protagonista por um caminho de erros escorado no humor e na melancolia, encontrados nas esquinas de uma Nova York ora solidária, ora solitária. Por seus papos verborrágicos, Frances parece saída de um filme de Woody Allen. A homenagem à nouvelle vague marca presença sobretudo na insólita passagem da personagem por Paris. Direção: Noah Baumbach (Frances Ha, EUA, 2012, 86min). 14 anos. Estreou em 23/8/2013.

Cine CentoeQuatro.

✪✪✪✪✪ Gravidade

Não é à toa que o novo longa-metragem do mexicano Alfonso Cuarón anda arrancando elogios da crítica e, desde já, vem sendo apontado como um dos favoritos ao Oscar 2014. O diretor consegue algo muito difícil: realizar um filme em que os atores flutuam na maior parte de seus enxutos noventa minutos, numa trama de poucos diálogos e nada arrastada. Nela, dois astronautas tentam consertar um ônibus espacial pelo lado externo. Junto do experiente Kowalski (George Clooney), a novata Ryan Stone (Sandra Bullock) sente enjoos no ar. Um aviso da Nasa os alerta sobre os perigos dos destroços de um satélite que vêm em direção a eles. Sem chance de encontrar abrigo, a dupla perde contato com a Terra. A angustiante aventura dramática, que poderia ser contada de várias maneiras, tem como grande virtude dar ao espectador a experiência de vivenciar o temor dos personagens diante da tela (de preferência, numa projeção em 3D). Trata-se de cinema em sua forma absoluta, como não se via nas produções americanas fazia muito tempo. Num mix hipnótico, a narrativa vai da contemplação — com um belíssimo plano-sequência na abertura — à ação enérgica. 2001 — Uma Odisseia no Espaço, de Stanley Kubrick (1968), e Guerra nas Estrelas (1977), de George Lucas, revolucionaram, cada um à sua maneira, as fitas espaciais. Talvez seja uma afirmação precipitada, mas o fenomenal trabalho de Cuarón tem qualidades à altura para também se tornar um marco histórico. Direção: Alfonso Cuarón (Gravity, EUA/Inglaterra, 2013, 90min). 12 anos. Estreou em 11/10/2013.

Legendado: Paragem 5. Legendado, em 3D: Big Shopping 5, BH Shopping 1, Boulevard 6, Del Rey 2, DiamondMall 5, Minas Shopping 1, Pampulha Mall 6, Pátio Savassi 4, Ponteio 3, Shopping Estação 2, Shopping Norte 1.

✪✪✪ Kick-Ass 2

Será mesmo que Kick-Ass merecia uma sequência depois de três anos? Pelo sim, pelo não, essa aventura juvenil tem piadas espirituosas, cenas de ação bacanas e um roteiro capaz de agradar à moçada ligada em HQ. Aaron Taylor-Johnson retoma o papel de Dave, o herói mascarado Kick-Ass do título. Ele decidiu dar um tempo no combate ao mal, mas acaba encorajado por Mindy (Chloë Grace Moretz) a voltar à ativa. O rapaz, então, entra para uma secreta liga de justiceiros liderada por um coronel interpretado por um caricato Jim Carrey. Desta vez, o vilão da comédia é um riquinho (papel de Christopher Mintz-Plasse) que, após ser treinado por caratecas, se apelida The Motherfucker e vai às ruas enfrentar os mocinhos. Direção: Jeff Wadlow (Kick-Ass 2, EUA/Inglaterra, 2013, 103min). 12 anos. Estreou em 18/10/2013.

Itaú Power 6, BH Shopping 10, Shopping Cidade 4.

✪✪ Mato sem Cachorro

O primeiro longa-metragem de Pedro Amorim (irmão do também cineasta Vicente Amorim, de Corações Sujos) tem pouco romance e mais humor. Na comédia, Deco (Bruno Gagliasso) passa o tempo em seu apartamento no Rio de Janeiro mixando som com imagens no computador para, um dia, ficar famoso. Ao atropelar um cachorrinho, ele conhece a doce Zoé (Leandra ­Leal). O bicho une o novo casal, mas, cansada da leseira do namorado, ela o abandona tempos depois levando junto o cão. Enciumado, Deco planeja o sequestro do animal com seu primo paulistano (Danilo Gentili). Propositadamente, a trama tem momentos fofos (sobretudo pela presença dos cachorros) e outros tantos vulgares. O roteiro estica a graça além da conta e, lá no finalzinho, chega ao desfecho previsível. Direção: Pedro Amorim (Brasil, 2013, 122min). 12 anos. Estreou em 4/10/2013.

Betim Shopping 1, Itaú Power 3, BH Shopping 9, Boulevard 3, Del Rey 4, Minas Shopping 2, Pampulha Mall 3, Paragem 2, Shopping Cidade 6, Shopping Estação 6, Shopping Norte 2, Via Shopping 5.

← Nove Crônicas para um Coração aos Berros

Bons atores como André Frateschi, Cacá Amaral, Denise Weinberg, Júlio Andrade, Marat Descartes e Simone Spoladore se meteram em uma das maiores roubadas de sua carreira. Dirigidos pelo cineasta de Brasília Gustavo Galvão, eles participam de um drama que parte do nada e não chega a lugar nenhum. Os personagens têm o mesmo nome dos intérpretes e estão perdidos numa narrativa frouxa. Entre as histórias entremeadas (e sem ligação nenhuma) estão a da prostituta Simone, que implora aos clientes que a tirem do bordel, e a de um corretor de imóveis (Leo­nardo Medeiros), incentivado por um faxineiro a dar uma guinada na vida. Trata-se, certamente, de um dos piores filmes nacionais do ano. Direção: Gustavo Galvão (Brasil, 2013, 93min). 14 anos. ­Estreou em 18/10/2013.

Cine CentoeQuatro.

✪ Riddick 3

Não é preciso ter visto o bom Eclipse Mortal (2000) nem o dispensável A Batalha de Riddick (2004) para entender a trama desse terceiro longa-metragem da franquia de ficção científica. O próprio personagem de Vin Diesel explica pouco depois da introdução que quer esquecer o passado e recomeçar a vida em um mundo novo. Num planeta habitado apenas por bichos grotescos, incluindo cachorros selvagens computadorizados, Riddick (Diesel) tenta resistir às intempéries. A situação só piora quando dois grupos de mercenários baixam suas naves espaciais por lá para caçá-lo. Ação, suspense ou pancadaria? Nada disso. Numa narrativa arrastada, a fita se salva pelo belo e árido visual. Ponto positivo, sobretudo, para a fotografia de tonalidade ensolarada. Direção: David Twohy (Riddick, EUA/Inglaterra, 2013, 119min). 16 anos. Estreou em 11/10/2013.

Dublado: Big Shopping 4, Itaú Power 5, Shopping Cidade 4, Via Shopping 4. Legendado: Pampulha Mall 1, Pátio Savassi 2.

✪✪ Rota de Fuga

Arnold Schwarzenegger, de 66 anos, e Sylvester Stallone, 67, ainda conseguem achar roteiros aproveitáveis sem precisar dos truques de efeitos digitais. No novo encontro dos astros, após Os Mercenários 2, eles, infelizmente, colocaram o humor de escanteio, mas continuam resolvendo as paradas no muque. Na trama, Breslin (Stallone) é funcionário de uma seguradora cujo trabalho consiste em ficar preso anonimamente para testar o sistema de fuga das cadeias. Em sua nova e difícil missão, tem de escapar de um presídio vertical com celas envidraçadas. A princípio, ele e o carrancudo personagem de Schwarzenegger se estranham. Quando descobre que foi traído, Breslin vai precisar da ajuda dele para que, juntos, os dois deem o fora de lá. O ritmo da ação cai na meia hora final. Contudo, a dupla mantém a forma plugada nas saborosas aventuras dos anos 80. Direção: Mikael Hπfström (Escape Plan, EUA, 2013, 116min). 12 anos. Estreou em 11/10/2013.

Dublado: Minas Shopping 5, Pampulha Mall 2, Shopping Cidade 3, Shopping Estação 1, Shopping Norte 5, Via Shopping 2. Legendado: BH Shopping 8.

✪✪✪✪ Rush - No Limite da Emoção

No ano de 1976, naquele que foi considerado o mais emocionante campeonato da Fórmula 1, o embate entre o piloto inglês James Hunt (Cris Hemsworth) e o austríaco Niki Lauda (Daniel Brühl) atingiu seu auge. Essa história já seria boa para um documentário e, felizmente, rendeu um ótimo longa de ação. Ron Howard (de O Código Da Vinci), de 59 anos, dirige com tremenda habilidade a disputa desses campeões dentro e fora das pistas. Aproveita a beleza e o charme de Hemsworth (o Thor) para dar a Hunt o que ele tinha de mais atraente: o carisma, a audácia e uma inabalável autoconfiança. Brühl (de Bastardos Inglórios), por sua vez, faz uma composição sensacional de Lauda, o corredor conservador e prudente. Para completar, o filme traz cenas fabulosas nos autódromos. Utilizando a textura da fotografia das fitas da década de 70, Howard coloca câmeras em pontos estratégicos para dar ao espectador a sensação de estar dentro do cockpit. Direção: Ron Howard (Rush, EUA/Alemanha/Inglaterra, 2013, 123min). 14 anos. Estreou em 13/9/2013. Ponteio 2.

✪✪✪ Serra Pelada

A competente produção de época e o trabalho dos atores sobressaem nesta visão do diretor Heitor Dhalia (À Deriva) para o maior garimpo da história. Serra Pelada foi recriada com ricos detalhes, incluindo imagens de arquivo e até cenas de Os Trapalhões na Serra Pelada, de 1982. No drama, que tem início em 1980, os amigos de infância Juliano (Juliano Cazarré) e Joaquim (Júlio Andrade) saem de São Paulo em busca de ouro no sul do Pará. Embora inseparáveis, eles não possuem muitas coisas em comum. Juliano, ex-boxeador, resolve os problemas com os miolos quentes, enquanto o reservado Joaquim perdeu o emprego de professor e, certinho, tem uma esposa à espera do primeiro filho. Não demora muito para eles comprarem o próprio espaço de exploração e contratar garimpeiros para o serviço pesado. A riqueza, contudo, vai causar uma traumática separação. Além da fulgurante interpretação de Cazarré (em um de seus melhores momentos no cinema), Sophie Charlotte mostra-se um arraso de sensualidade na pele de uma exprostituta. Sem se arriscar numa visão mais autoral, Dhalia, também um dos roteiristas, faz um filme comedido na ambição e redondo no acabamento. Direção: Heitor Dhalia (Brasil, 2013, 104min). 14 anos. Estreou em 18/10/2013.

Big Shopping 2, Itaú Power 3, BH Shopping 5 e 10, Boulevard 3, Del Rey 4, DiamondMall 6, Minas Shopping 6, Pampulha Mall 5, Paragem 3, Pátio Savassi 6, Ponteio 2, Shopping Cidade 2, Shopping Estação 6, Shopping Norte 4.

✪✪✪ Os Suspeitos

O diretor canadense de Incêndios (2010) conta com um elenco de primeira neste suspense policial de deixar a plateia tensa. Na trama, o casal Keller (Hugh Jackman) e Grace (Maria Bello) vai passar com os filhos o Dia de Ação de Graças na residência dos vizinhos Franklin (Terrence Howard) e Nancy (Viola Davis). Após o almoço, veem-se numa situação dramática: as filhas de ambos desapareceram. Quando o detetive Loki (Jake Gyllenhaal) começa a investigar, logo desconfia do estranho Alex Jones (Paul Dano), já que ele tinha estacionado seu trailer na vizinhança. Não há, contudo, provas contra o suspeito. Alex vive com a tia (Melissa Leo) e, embora seja adulto, tem a mentalidade de um menino de 10 anos. Inconformado com a liberdade dele, Keller sequestra o rapaz. Começa a torturá-lo para extrair a confissão de onde estão as garotas. O roteiro vai mais longe e, em duas horas e meia, traz surpresas em meio à ambiência sinistra até chegar a um desfecho que, se não arrebata, ao menos faz refletir sobre uma terrível realidade. Direção: Denis Villeneuve (Prisoners, EUA, 2013, 153min). 16 anos. Estreou em 18/10/2013.

Dublado: Big Shopping 3, Minas Shopping 4, Pampulha Mall 4, Shopping Cidade 1, Shopping Estação 1, Shopping Norte 3, Via Shopping 3. Legendado: Itaú Power 1, BH Shopping 6, Boulevard 4, Del Rey 3, DiamondMall 2, Minas Shopping 4, Pátio Savassi 1, Shopping Estação 1 e 5, Via Shopping 3.

✪✪✪ Tá Chovendo Hambúrguer 2

A sequência da adorável animação de 2009 começa logo depois da trama original. A Boca da Maré, onde o jovem Flint Lockwood criou uma máquina capaz de transformar água em comida, foi tomada por hambúrgueres gigantes que ganharam vida. Os habitantes, então, recebem a proposta de Chester V de sair de lá e morar numa agradável cidade da Califórnia. Dono da empresa Live, especializada em invenções exóticas, esse empresário ainda convida Lockwood para trabalhar com ele. Não demora muito, o patrão escala o novo funcionário para regressar à ilha e destruir o perigoso aparelho criado por Lockwood. No fundo, porém, Chester está com más intenções e planeja se apossar do maquinário. O roteiro mostra-se ágil a partir da chegada dos personagens ao destino. A Boca da Maré virou um lugar de frutas, legumes e outros alimentos vivos e curiosos — há, por exemplo, o tacodilo, as sushivelhas e as sandubaleias. Numa explosão de cores e formas, o desenho tem tudo para entreter crianças e adultos, mesmo sem o fator novidade do primeiro episódio. Direção: Cody Cameron e Kris Pearn (Cloudy with a Chance of Meatballs 2, EUA, 2013, 95min). Livre. Estreou em 4/10/2013.

Dublado: Betim Shopping 2, Big Shopping 2, Itaú Power 5, BH Shopping 4, Boulevard 2, Del Rey 7, DiamondMall 6, Minas Shopping 1, Pampulha Mall 3, Paragem 1, Pátio Savassi 4 e 7, Shopping Cidade 6, Shopping Estação 2, Shopping Norte 4, Via Shopping 4. Dublado, em 3D: Big Shopping 5, Itaú Power 5, BH Shopping 3, Boulevard 2, Del Rey 1, DiamondMall 6, Minas Shopping 1, Pampulha Mall 6, Paragem 1, Shopping Estação 4, Shopping Norte 2, Via Shopping 4.

✪✪ O Tempo e o Vento

Jayme Monjardim é um diretor de olhar clínico para paisagens, vide seus belos trabalhos na TV, como nas novelas Pantanal e Terra Nostra. Nesta livre adaptação de O Continente, o primeiro volume da trilogia O Tempo e o Vento, do gaúcho Erico Verissimo (1905-1975), o realizador comanda um elenco estelar e, como sempre, capricha nas locações. Entre um pôr e um nascer do sol, narrase, em formato épico, a história de Bibiana, interpretada na velhice por Fernanda Montenegro. Em um reencontro com Rodrigo (Thiago Lacerda), ela relembra a sofrida trajetória de sua avó, Ana Terra (Cleo Pires), no século XVIII. A empolgante condução da trama tropeça na segunda parte, quando a jovem Bibiana (vivida por Marjorie Estiano) se casa com um valente capitão. Direção: Jayme Monjardim (Brasil, 2013, 127min). 14 anos. Estreou em 27/9/2013.

Paragem 2, Shopping Cidade 4.

Fonte: VEJA BELO HORIZONTE