Cinema

Programação de cinema para os dias 06 a 12 de julho

Por: Raíssa Pena - Atualizado em

Divulgação
(Foto: Redação VejaBH)

Marcos Palmeira e Dira Paes na comédia E Aí, Comeu?: a adaptação da peça de Marcelo Rubens Paiva segue em cartaz em catorze salas

PRÉ-ESTREIAS A FONTE DAS MULHERES, de Radu Mihaileanu (La Source des Femmes, França/Itália/Bélgica/Marrocos, 2011). Diretor de filmes versáteis, como a comédia de humor negro Trem da Vida (1998) e o drama O Concerto (2009), o judeu romeno radicado na França Radu Mihaileanu flerta agora com um assunto alheio à sua formação: o mundo árabe e as tradições islâmicas. A história do drama foi inspirada em um caso real ocorrido na Turquia em 2001. Numa remota aldeia marroquina, a jovem Leila (Leïla Bekhti) perdeu o filho durante a gravidez, ao escorregar na descida de uma colina. Enquanto os homens fumam, bebem chá e papeiam, as mulheres se esforçam para subir ao topo do tal monte e de lá trazer água em pesados baldes. O vilarejo sobrevive do dinheiro dos turistas, mas ninguém sabe onde ele vai parar. Uma intrépida viúva, chamada Velho Fuzil (papel da esplêndida atriz argelina Biyouna), tem uma ideia revolucionária: as mulheres devem fazer greve de sexo até que seus maridos se agitem para reverter a situação. Com tantas mudanças pipocando na Tunísia, no Egito, na Síria e em outros países muçulmanos, o enredo se vale da realidade para trazer um sopro de transformação às asperezas da vida. Tudo com a leveza de um conto de fadas. (135 min). 14 anos. Belas Artes 3.

Confira o horário das salas de cinema

✪✪✪ LUZ NAS TREVAS - A VOLTA DO BANDIDO DA LUZ VERMELHA, de Helena Ignez e Ícaro Martins (Brasil, 2010). O cineasta Rogério Sganzerla morreu em 2004, aos 57 anos, e deixou uma filmografia cujo expoente é O Bandido da Luz Vermelha (1968). Espécie de continuação do cult, esta brincadeira tem a alma irônica de seu criador e, para entrar no espírito da coisa, precisa ser encarada como um policial malicioso e kitsch. Embora simples, a trama possui diálogos empolados e pouco naturais, em mais uma referência aos filmes brasileiros antigos. Nesta sequência pop retrô, com imagens e sons recuperados do original, o cantor Ney Matogrosso interpreta Luz Vermelha. Preso há mais de trinta anos, o criminoso reencontra o filho que teve com uma amante (Sandra Corveloni). Jorge (André Guerreiro Lopes) descobre o passado do pai e também vira ladrão para torrar a grana em farras. Além da bela fotografia em tons de verde e vermelho de José Roberto Eliezer (O Cheiro do Ralo) e das pinçadas locações paulistanas, a produção escalou, para rápidas participações, uma eclética seleção de personalidades-símbolo da cidade: Arrigo Barnabé, Bruna Lombardi, Mário Bortolotto, Sérgio Mamberti, José Mojica Marins, Thunderbird e Phedra D. Córdoba, entre outros. Filha da diretora com Rogério, Djin Sganzerla faz uma das amantes do novo bandido, apelidado de Tudo ou Nada (83min). 14 anos. BH Shopping 6.

Confira o horário das salas de cinema

ESTREIA ✪✪✪ O ESPETACULAR HOMEM-ARANHA, de Marc Webb (The Amazing Spider-Man, EUA, 2012). Será impossível evitar a sensação de déjà-vu: lançado apenas cinco anos depois do dispensável Homem-Aranha 3, o novo episódio da superfranquia (que arrecadou cerca de 2,5 bilhões de dólares) recomeça o ciclo de aventuras do herói da Marvel. Diferentemente da saga de Batman, essa volta às origens mantém o molde da trilogia original, numa mescla fluente e divertida de ação, romance e humor. Nos trechos mais imaginativos, o diretor da comédia romântica 500 Dias com Ela (2009) parece até homenagear Sam Raimi, que assinou os três capítulos anteriores. Apesar das redundâncias (e são muitas), a bem sacada escolha do elenco e um roteiro cheio de graça justificam o repeteco. Peter Parker (agora interpretado por Andrew Garfield, de A Rede Social) ainda é o rapaz tímido que descobre ter poderes incríveis (e responsabilidades igualmente gigantescas) ao ser contaminado por um aracnídeo de laboratório. A trama ameaça escapar da mesmice ao investir no mistério sobre a morte dos pais do herói. Muito mais palpitante sai-se o caso de amor entre o jovem justiceiro e a espevitada Gwen Stacy (Emma Stone). O vilão da vez, um bioquímico transformado em lagarto (papel do galês Rhys Ifans), carece exatamente da maior qualidade do casal: carisma (136min). Estreou em 6/7/2012. Dublado: Betim Shopping 1, Big Shopping 1, BH Shopping 5, Itaú Power 6, Minas Shopping 5, Pampulha Mall 1, 2 e 3, Shopping Cidade 7 e 8, Shopping Norte 2, Via Shopping 3. Dublado, em 3D: Big Shopping 5, BH Shopping 3, Boulevard 6, Del Rey 1, Diamond Mall 5, Minas Shopping 1, Pampulha Mall 6, Paragem 1, Pátio Savassi 3, Shopping Cidade 4, Shopping Norte 1, Via Shopping 4. Legendado: BH Shopping 2 e 4, Boulevard 2 e 3, Del Rey 5 e 6, Diamond Mall 1, Itaú Power 1 e 2, Pátio Savassi 7. Legendado, em 3D: BH Shopping 3, Boulevard 6, Del Rey 1, Diamond Mall 5, Minas Shopping 1, Pampulha Mall 6, Paragem 1, Pátio Savassi 3 e 5, Shopping Cidade 4.

Confira o horário das salas de cinema

EM CARTAZ ✪✪✪ BRANCA DE NEVE E O CAÇADOR, de Rupert Sanders (Snow White and the Huntsman, EUA, 2012). Virou tendência transformar histórias infantis em filmes para o público adulto. Espelho, Espelho Meu, lançado em abril, optou pelo viés do humor para levar às telas o conto da Branca de Neve. Mais bem-sucedida, esta aventura traz uma adaptação vigorosa e com algumas licenças para a fábula dos irmãos Grimm. Na trama, a princesa (Kristen Stewart) passa os dias infeliz e aprisionada. Tudo por causa de sua madrasta (Charlize Theron), que lhe tomou o trono após a morte do rei. A mocinha, porém, consegue fugir e, inconformada, a vilã contrata um caçador (Chris Hemsworth, o Thor) para abatê-la. Viúvo, o rapaz encontra Branca de Neve na Floresta Negra, um lugar infestado de criaturas assustadoras e de onde poucos humanos saíram vivos. Há outras alterações no original: o príncipe encantado (papel de Sam Caflin) é um amigo de infância da protagonista e os anões agora são oito e interpretados por excelentes atores de estatura normal, como Ian McShane, Ray Winstone e Toby Jones — há um bom truque para deixá-los pequeninos. Esqueça o desenho animado de Walt Disney da década de 30. O tom aqui se mostra sombrio, dramático e sem ingredientes para agradar à criançada (127min). 12 anos. Estreou em 1º/6/2012. Dublado: Big Shopping 4, Itaú Power 3, Shopping Cidade 6, Shopping Norte 4.

Confira o horário das salas de cinema

✪✪✪ A DELICADEZA DO AMOR, de David Foenkinos e Stéphane Foenkinos (La Délicatesse, França, 2011). O escritor francês David Foenkinos estreia como cineasta, em parceria com o irmão, Stéphane, neste drama romântico. Ele também assinou o roteiro do filme, baseado em seu livro A Delicadeza (Editora Rocco). Na envolvente trama, Nathalie (interpretada por Audrey Tautou) tem um casamento perfeito, mas sua vida sofre um revés. Três anos depois, essa moça solitária se dedica apenas ao trabalho numa empresa escandinava em Paris. Dispensa os assédios do chefe e, sem motivo aparente, beija um funcionário simplório. Ele é o sueco grandalhão Markus (François Damiens), um homem sem um pingo de charme, muito menos beleza ou dinheiro. A protagonista, porém, descobre que por trás da aparência existe uma figura espirituosa, romântica e gentil. Levada com certo humor e poesia, a história traz um discurso comum entre as mulheres: importam mais o caráter e a generosidade do companheiro que o patrimônio e os atributos físicos (108min). 10 anos. Estreou em 25/5/2012. Belas Artes 3.

Confira o horário das salas de cinema

✪✪✪ DEUS DA CARNIFICINA, de Roman Polanski (Carnage, França/Alemanha/Polônia/Espanha, 2011). Encenada na cidade no ano passado, a peça homônima de Yasmina Reza ganhou uma versão cinematográfica do diretor de O Pianista. Quem viu a ótima montagem teatral pode achar menos graça na comédia dramática. Isso, no entanto, não tira o brilho, a acidez e as divertidas reviravoltas de um texto engenhoso. Polanski abre e fecha seu longa-metragem com uma breve cena externa. A partir daí, o roteiro concentra-se apenas no apartamento de um casal de Nova York. Michael e Penelope Longstreet (papéis de Jodie Foster e John C. Reilly) vão selar um acordo de paz e, para isso, recebem Nancy e Alan Cowan (Kate Winslet e Christoph Waltz). O motivo do encontro: o filho dos Cowan deu uma surra no rebento dos Longstreet e este perdeu dois dentes. Depois de chegarem a um consenso, eles tentam sair do imóvel, mas uma série de discussões em cadeia os faz permanecer por lá. Ambas as duplas travam duelos verbais aquecidos. A interpretação do fabuloso quarteto torna o programa ainda mais estimulante (80min). 12 anos. Estreou em 7/6/2012. Belas Artes 3.

Confira o horário das salas de cinema

✪✪ E AÍ, COMEU?, de Felipe Joffily (Brasil, 2012). Em alta após o sucesso de Cilada.com (2011), o ator Bruno Mazzeo volta ao humor malicioso e desbocado, na linha do americano Se Beber, Não Case! (2009). Desta vez, ele tem um roteiro bem menos chinfrim à disposição. Basea­da em peça homônima de Marcelo Rubens Paiva, a comédia ganha pontos ao preservar o espírito divertido do original, embora caia em obviedades quando o drama precisa entrar em cena. O filme se solta e tira risadas principalmente nos trechos que entregam sua origem teatral — quando, na mesa do bar, Fernando (papel de Mazzeo), Honório (Marcos Palmeira) e Fonsinho (Emilio Orciollo Netto, o mais engraçado do trio de atores) jogam conversa fora sobre trapalhadas se­xuais e manias femininas. Numa espécie de versão masculina do seriado Sex and the City, o diretor de Ódiquê? (2004) intercala as histórias dos três amigos cariocas. Abatido por uma separação, Fernando não sabe como lidar com as cantadas de uma vizinha de 17 anos. Ainda mais agoniado, Fonsinho só consegue se relacionar com garotas de programa ou com mulheres comprometidas. O único casado do grupo, Honório também passa por maus momentos. Infeliz no matrimônio, começa a suspeitar que a esposa (interpretada por Dira Paes) o trai (100min). 14 anos. Estreou em 22/6/2012. Betim Shopping 3, BH Shopping 10, Big Shopping 3, Boulevard 1, Del Rey 7, Diamond Mall 3, Itaú Power 4, Minas Shopping 6, Pampulha Mall 4, Paragem 5, Pátio Savassi 2, Shopping Cidade 1, Shopping Norte 3, Via Shopping 5.

Confira o horário das salas de cinema

✪✪✪ A ERA DO GELO 4, de Steve Martino e Mike Thurmeier (Ice Age: Continental Drift, EUA, 2012). Não espere pela perspicácia das incríveis criações da Pixar ou da Aardman (produtora do recente Piratas Pirados!). Este quarto episódio da cinessérie, iniciada em 2002, tem uma intenção muito mais modesta — revisitar personagens que fazem por merecer uma nova matinê amalucada. O ingrediente mais saboroso da franquia da Blue Sky Studios segue inalterado. A exemplo dos anteriores, o desenho animado agrada ao insistir num humor leve e despretensioso, no clima de velhas atrações da TV. A fórmula, felizmente, ainda não se deixa derrubar pelo cansaço. Sobrevive inclusive à ausência do cineasta carioca Carlos Saldanha, responsável pelos outros capítulos. Hoje empenhado na continuação do desenho Rio (prevista para 2014), ele cedeu lugar a Mike Thurmeier, codiretor de A Era do Gelo 3, e Steve Martino, de Horton e o Mundo dos Quem!. A dança de cadeiras mal se nota na tela. Talvez porque o integrante mais divertido da turma continue a ser o melhor personagem de Saldanha: o esquilo Scrat. Eternamente em busca da noz perfeita, essa mascote azarada transita intrépida no mundo paleolítico no qual vivem o mamute Manny, o tigre Diego e o bicho-preguiça Sid. E rouba a cena de novo. É o próprio roedor, aliás, quem desata as reviravoltas desta sequência. O bichinho, engolido por uma rachadura no solo, vai parar no centro da Terra e provoca uma onda de terremotos. De tão potente, o impacto separa os continentes do planeta. Acaba sobrando, é óbvio, para o trio liderado por Manny. Atirados no oceano, eles se equilibram sobre uma calota gelada, à deriva. Aventuras mais perigosas os aguardam quando ficam na mira de piratas grosseirões e de criaturas mutantes (94min). Livre. Estreou em 29/6/2012. Dublado: Betim Shopping 2, Itaú Power 5, BH Shopping 7,8 e 9, Boulevard 4, Del Rey 3, Diamond Mall 2, Minas Shopping 3, Pampulha Mall 5, Paragem 3, Pátio 8, Shopping Cidade 2, Shopping Norte 5, Via Shopping 1. Dublado, em 3D: Big Shopping 5, Itaú Power 6, BH Shopping 1, Boulevard 6, Del Rey 2, Diamond Mall 6, Minas Shopping 2, Pampulha Mall 6, Pátio Savassi 4 e 6, Shopping Cidade 5, Via Shopping 4. Legendado, em 3D: Pátio Savassi 6.

Confira o horário das salas de cinema

✪✪✪ MADAGASCAR 3, de Eric Darnell e Tom McGrath (Madagascar 3: Europe's Most Wanted, EUA, 2012). No terceiro (e mais empolgante) episódio da cinessérie de animação, a Dreamworks (o mesmo estúdio de Shrek e Kung Fu Panda) faz uma aposta acertada na ação. Na trama, a girafa Melman, a hipopótama Gloria, o leão Alex e a zebra Marty criam um plano para deixar a África, onde levam uma vida muito pacata. Eles querem voltar para o zoológico onde moravam, no Central Park, em Nova York, e, no itinerário da aventura, fazem escalas em Monte Carlo, Roma e Londres (85min). Livre. Dublado: Betim Shopping 3, BH Shopping 6, Boulevard 5, Del Rey 7, Diamond Mall 4, Itaú Power 4, Minas Shopping 6, Pampulha Mall 3, Pátio Savassi 1, Shopping Cidade 3, Shopping Norte 3, Via Shopping 2. Dublado, em 3D: Big Shopping 3.

Confira o horário das salas de cinema

✪✪ PARA ROMA COM AMOR, de Woody Allen (To Rome with Love, EUA/Itália/Espanha, 2012). Depois das escalas na Inglaterra, na Espanha e na França, a fase europeia de Woody Allen chega à Itália. O itinerário, desta vez, tem algo de burocrático. Premiado com o Oscar de roteiro pelo adorável Meia-Noite em Paris (2011), indicado também a melhor filme e direção, o nova-iorquino apela a um formato mais rasteiro e esquecível ao alternar quatro contos de humor. Em um dos episódios da comédia, o próprio diretor interpreta um dramaturgo polêmico, que, ao lado da esposa (Judy Davis), vai a Roma para conhecer o pretendente da filha (Alison Pill). Lá se impressiona pelo talento vocal do pai do genro, um dono de funerária, e tenta promovê-lo a cantor famoso. O problema: o homem só consegue cantar bem quando está no chuveiro, tomando banho. Em outra trama, tão surreal quanto, um cidadão sem muitas qualidades (Roberto Benigni) começa a ser tratado pela mídia, do dia para a noite, como uma celebridade nacional. A fita ainda narra as aventuras de um recém-casado (Alessandro Tiberi) assediado inesperadamente por uma prostituta (Penélope Cruz) e o imbróglio amoroso de um jovem estudante de arquitetura (Jesse Eisenberg) fascinado pela amiga moderninha de sua mulher (papel de Ellen Page). Com Alec Baldwin (100min). Estreou em 29/6/2012. Belas Artes 1, BH Shoppinng 9, Boulevard 5, Del Rey 4, Diamond Mall 4, Paragem 4, Pátio Savassi 1.

Confira o horário das salas de cinema

✪✪✪✪ A PRIMEIRA COISA BELA, de Paolo Virzi (La Prima Cosa Bella, Itália, 2010). Uma das fitas mais belas e sensíveis dos últimos anos chega às telas daqui com certo atraso — o drama foi indicado pela Itália para concorrer a uma vaga no Oscar de filme estrangeiro em 2011. Da recriação de época ao roteiro cativante, nada escapa ao olhar sincero com que o diretor Paolo Virzi retrata as reviravoltas na vida de uma família. A trama se passa em duas épocas distintas. Na Roma dos dias atuais, o professor Bruno (Valerio Mastandrea) é procurado por sua irmã, Valeria (Claudia Pandolfi). Ela quer que ele retorne a Livorno para visitar a mãe, Anna (Stefania Sandrelli). Com a saúde debilitada, ela está à beira da morte. Meio a contragosto, Bruno vai até lá. Alternando passado e presente, a história retorna a 1971 para flagrar os motivos do afastamento entre Bruno e Anna (agora vivida por Micaela Ramazzotti), que foi abandonada pelo marido por sua extrema simpatia e fez de tudo para criar sozinha as duas crianças (papéis de Giacomo Bibbiani e Aurora Frasca) (122min). 12 anos. Estreou em 22/6/2012. Belas Artes 3.

Confira o horário das salas de cinema

✪✪✪ PROMETHEUS, de Ridley Scott (Prometheus, EUA, 2012). O diretor inglês levou três décadas para voltar à ficção científica, filão que havia deixado de lado desde Blade Runner, o Caçador de Androides (1982). Não à toa, o retorno ao universo de Alien, o Oitavo Passageiro (1979), uma de suas melhores criações, se tornou um dos lançamentos mais aguardados do ano pelos fãs do gênero. Até eles, desta vez, devem se surpreender com o grau de ambição do projeto. Sem se limitar ao horror, o cineasta pretende conjugar o clima angustiante do original com reflexões filosóficas herdadas de clássicos como Solaris (1972) e 2001 — Uma Odisseia no Espaço (1968). O resultado, como era de esperar, raramente fica à altura de tanta pretensão. Se as divagações sobre a origem da humanidade esbarram no vazio, mais poderosas são as cenas de angústia e terror físico, que grudam o público na poltrona ao reprisar elegantemente o modelo do primeiro episódio da série. Isolada na nave espacial Prometheus em 2089, trinta anos antes dos acontecimentos de Alien, uma equipe de pesquisadores investiga a existência de vida em outros planetas. À frente do time, os arqueólogos Elizabeth Shaw (personagem defendida com bravura por Noomi Rapace) e Charlie Holloway (Logan Marshall-Green) usam como mapa antigas pinturas rupestres. Ao desembarcarem em um mundo cinzento, descobrem os vestígios de uma civilização alienígena, aniquilada por um inimigo monstruoso. No papel de um androide demasiado cortês, Michael Fassbender (de Shame) compõe uma das grandes atuações do ano. Com Charlize Theron e Guy Pearce. (124min). 14 anos. Estreou em 15/6/2012. Legendado: Boulevard 4. Legendado, em 3D: Pátio Savassi 4.

Confira o horário das salas de cinema

✪✪ SOMBRAS DA NOITE, de Tim Burton (Dark Shadows, EUA, 2012). Comédia. Na oitava parceria com Burton, o astro Johnny Depp defende um personagem do qual era fã desde criança: o vampiro Barnabas Collins, anti-herói da série Dark Shadows. Exibido na TV americana entre 1966 e 1971, o programa virou motivo de culto nos Estados Unidos graças a uma combinação extravagante de humor, fantasia gótica e reviravoltas folhetinescas. O universo sombrio e kitsch casa com o estilo do diretor de Edward Mãos de Tesoura. Mas, nesta adaptação, o roteiro de Seth Grahame-Smith (do livro Orgulho e Preconceito e Zumbis, lançado pela Editora Intrínseca) falha na tentativa de garantir nuances a uma galeria de tipos excêntricos. Apesar de carismáticos, os personagens são ofuscados pelas firulas de Depp. Na primeira parte da trama, ainda assim, o cineasta dá conta de se divertir (e entreter o público) em uma zona de conforto bastante conhecida pelos fãs. Com aparência de fábula gótica, o enredo vai a 1760 para explicar como Barnabas, um empresário inglês muito bem-sucedido nos Estados Unidos, foi amaldiçoado pela mulher por quem estava apaixonado, uma feiticeira vivida por Eva Green. Perseguido, preso e enterrado, o imortal volta à ativa 200 anos depois. Encontra sua mansão ocupada pelos descendentes, uma família problemática e sem glamour. As piadas mais divertidas miram o descompasso entre esse protagonista pomposo, à moda antiga, e os costumes da década de 70. Embora capriche na recriação da época (como de hábito, aliás), Burton patina na parte final, quando a leveza cede espaço a excessos enfadonhos e repetitivos, na escala de uma ópera-rock. Com Michelle Pfeiffer, Helena Bonham Carter e Alice Cooper (113min). 14 anos. Estreou em 22/6/2012. Dublado: Pampulha Mall 4. Legendado: BH Shop­ping 6, Big Shopping 4, Boulevard 4, Del Rey 4, Diamond Mall 6, Itaú Power 3, Minas Shopping 4, Paragem 2, Pátio Savassi 8, Shopping Cidade 3, Shopping Norte 4.

Confira o horário das salas de cinema

✪✪ OS VINGADORES, de Joss Whedon (The Avengers, EUA, 2012). Um dos filmes mais aguardados pelos fãs de HQ mostra-se irregular. Se há quase duas horas substituindo a ação pela enrolação, o terço final, com Nova York (onde mais?) sendo destruída, acaba compensando. A ideia de reunir, pela primeira vez no cinema, seis personagens da Marvel rende uma guerrinha de egos e boas piadas internas. Nesse quesito, os embates verbais entre o tecnológico Tony Stark (Robert Downey Jr.), sem a armadura do Homem de Ferro, e o datado Capitão América (Chris Evans) viram o centro das atenções. Ainda são divertidas as demonstrações de força do monstro verde Hulk, que não poupa nem mesmo seus aliados. A trama meia-boca enfoca Tesseract, um cubo mágico cuja imensa fonte de energia pode arrasar a Terra. Vindo do planeta Asgard, Loki (Tom Hid­dleston), irmão de Thor (Chris Hemsworth), invade o porta-aviões espacial onde fica a agência secreta S.H.I.E.L.D. para roubar o objeto. Com seus poderes, hipnotiza o professor Selvig (Stellan Skarsgard) e o Gavião Arqueiro (Jeremy Renner). Mas o chefe Nick Fury (Samuel L. Jackson) tem a astúcia de entrar em contato com Stark, Capitão América e o Dr. Bruce Banner/Hulk (Mark Ruffalo) para ajudá-lo a enfrentar o inimigo. Thor também reaparece para dar uns sopapos no irmão e uma mãozinha aos super-heróis. Bela e lutadora elástica, Scarlett Johansson reencarna Natasha Romanoff, a Viúva Negra (142min). 12 anos. Estreou em 27/4/2012. Dublado: Shopping Cidade 2.Confira o horário das salas de cinema

Fonte: VEJA BELO HORIZONTE