Cinema

Quase todo ambientado em um teatro, Toque de Mestre mantém o suspense

Filme traz Elijah Wood interpretando um pianista que precisa salvar a esposa

Por: Miguel Barbieri Jr. - Atualizado em

Divulgação
(Foto: Redação VejaBH)

Elijah Wood: o Frodo virou um pianista

É provável que Elijah Wood venha a ser eternamente conhecido como o Frodo da trilogia O Senhor dos Anéis, mas o ator tenta se desvencilhar do marcante personagem arriscando-se em papéis de protagonista. Neste suspense espanhol, escorado no estilo de Brian De Palma (Dublê de Corpo), Wood interpreta um pianista. Tom Selznick abandonou os palcos há cinco anos, após cometer um deslize num espetáculo. Ainda atormentado pelo incidente, o rapaz ressurge para acompanhar uma orquestra no mesmo teatro onde se encontra sua mulher, uma famosa estrela de cinema. Ao dar início ao concerto, Selznick passa a receber ameaças de um psicopata em seu ponto de ouvido. Caso ele não chegue até o fim da apresentação, sua esposa será morta. Embora a trama seja implausível, sustenta-se em permanente clima de suspense e um bocadinho de terror. O feito bem­-sucedido se deve, em parte, ao produtor Rodrigo Cortés, diretor do ainda mais angustiante Enterrado Vivo.

✪✪✪ Toque de Mestre, de Eugenio Mira (Grand Piano, Espanha, 2013, 90min). 12 anos. Estreou em 3/4/2014.

Cotações | Péssimo ← | Fraco ✪ | Regular ✪✪ | Bom ✪✪✪ | Muito bom ✪✪✪✪ | Excelente ✪✪✪✪✪

Fonte: VEJA BELO HORIZONTE