Restaurantes

Boa opção no centro de BH, o Restaurante do Senac tem nova proposta de cardápio

Cozinha comandada pelo chef Luciano Avellar tem novas criações diariamente

Por: Mariana Celle - Atualizado em

Nidin Sanches/Odin
(Foto: Redação VejaBH)

Ninho de pupunha com camarões selvagens: opção de entrada. Bombom de frango recheado com gorgonzola e pera: aligot de inhame e crisp de alho-poró como acompanhamentos

COMIDA ✪✪✪ | AMBIENTE ✪✪ | ATENDIMENTO ✪✪✪

Há dezessete anos, Luciano Avellar concluía seu curso de cozinheiro pelo Senac. Desde julho ele está de volta à escola, mas agora como chef executivo do Restaurante do Senac. No retorno, promoveu mudanças, principalmente no menu. Se antes a clientela deparava com um preciso cardápio do dia, hoje não é mais assim. Para evitar receitas reprisadas há, diariamente, pelo menos nove criações, entre entrada, prato principal e sobremesa, que não se repetem ao longo do próximo mês. Por R$ 38,00 o cliente escolhe uma opção de cada item. O atendimento e os preparos continuam a ser executados pelos alunos.

Às segundas e terças-feiras as refeições são à la carte e têm influência da cozinha contemporânea com elementos da culinária regional. Uma das seleções de entrada é a pista de batata ao involtini de abobrinha com rúcula e tomate seco. Também de bom sabor e textura é o ninho de pupunha com camarões selvagens, servido com espuma de cupuaçu, flor de sal e crocante de parmesão. Entre os pratos quentes, o bombom de frango recheado com pera e gorgonzola chamou atenção pelos acompanhamentos: aligot de inhame e crisp de alho-poró com requeijão de raspa. Como sobremesa, o petit gâteau de banana com ganache de queijo e chocolate branco chegou quebrado à mesa, mas o sabor e a temperatura estavam na medida.

Nos outros dias o sistema utilizado é o bufê à vontade, pelo mesmo preço. Na quarta, o menu confiança fica por conta de criações baseadas em ingredientes da época. Na quinta, a temática é nacional. Até o fim de dezembro será possível variar, semanalmente, entre pratos de influência carioca, baiana, mineira ou serrana da Região Sul do país. As notas internacionais são apresentadas às sextas-feiras, no mesmo modelo, com particularidades portuguesas, francesas, espanholas ou italianas. A casa não serve bebidas alcoólicas. Aproveite para experimentar, sem amargor, a limonada suíça (R$ 4,00).

Restaurante do Senac. Rua Tupinambás, 1038, 3º andar, Centro, ☎ 3048-9211 (80 lugares). 12h/14h30 (fecha sáb., dom. e feriados). Cc: M e V. Cd: todos. Ar. → www.mg.senac.br. Aberto em 1962. $

Cotações | Péssimo ← | Fraco ✪ | Regular ✪✪ | Bom ✪✪✪ | Muito bom ✪✪✪✪ | Excelente ✪✪✪✪✪

Fonte: VEJA BELO HORIZONTE