Dança

Saiba onde aprender a dançar flamenco em Belo Horizonte

Repleta de significados culturais, a dança típica da Espanha é também uma boa opção de atividade aeróbica

Por: João Renato Faria - Atualizado em

Um dos símbolos da Espanha, a dança flamenca encanta quem assiste. Afinal, os vestidos esvoaçantes, as palmas ritmadas e os gritos de "olé!" são uma representação cênica repleta de significados. Além disso, é uma atividade aeróbica excelente para quem quer começar a se exercitar. Muitas pessoas têm procurado cursos de flamenco na capital mineira. Para a sorte de quem quer aprender a bailar, vários espaços na capital oferecem aulas para os iniciantes.

Centro de Cultura Flamenca

Rua Antônio de Albuquerque, 290, Savassi, 3567-9279

Comandado pela dançarina Fátima Carretero, o espaço oferece uma imersão na cultura flamenca. Além de dança,dá noções de culinária, literatura e história da região espanhola de Andaluzia. A mensalidade é 170 reais e as aulas duram 1h, duas vezes por semana, com horários entre 17h30 e 21h30.

Pátio Espanhol

Avenida do Contorno, 4035, São Lucas, 3324-4035

A maior parte das aulas é acompanhada de música ao vivo, com um duo de guitarra flamenca e voz. A mensalidade varia de 100 reais a 175 reais, dependendo do horário e da frequência, que pode ser uma ou duas vezes por semana. A duração vai de 1h a 1h30 e as aulas começam a partir de 9h, indo até 21h. De sexta (11) a domingo, o espaço recebe a Feria de Abrill, com gastronomia típica da Espanha, shows de flamenco, venda de roupas e acessórios característicos e workshops para iniciantes.

Soleá Tablao Flamenco

Rua Sergipe, 1199B, Savassi, 3282-2444.

As aulas são realizadas uma vez por semana, quando duram 1h30, ou duas, com duração de 1h. Em ambos os casos, a mensalidade é a mesma e varia de 60 a 150 reais, dependendo do período do dia. Os horários vão de 10h até 21h30 e os alunos podem integrar as companhias de dança do próprio Soleá. Por lá funciona também um restaurante com comidas típicas.

Fonte: VEJA BELO HORIZONTE