Shows

Com 70 anos, ex-vocalista do Yes, Jon Anderson, retorna à capital para apresentação única na terça (21)

Repertório reúne hits do rock progressivo que marcaram as décadas de 70 e 80

Por: Isabella Grossi - Atualizado em

Divulgação
(Foto: Redação VejaBH)

O multi-instrumentista inglês: somente violão, piano e uquelele no palco

No auge dos seus 70 anos, o músico Jon Anderson, ex-líder do Yes, não tem do que reclamar. Depois de passar por problemas de saúde que o levaram a fazer cirurgias no estômago, no pâncreas e na garganta, e de perder o posto de vocalista da banda de rock progressivo para Benoit David, ele deu a volta por cima e enveredou para a carreira-­solo. De volta à capital mineira com sua voz inconfundível, que virou marca nas décadas de 70 e 80, o inglês vem com um set list recheado de hits do Yes, tais como Close to the Edge, And You and I e Owner of a Lonely Heart, e de canções novas. Versões de clássicos também estão no repertório. Acompanhado apenas de piano, violão e uquelele, Anderson se arrisca, por exemplo, em A Day in the Life, dos Beatles. Livre.

Grande Teatro - Sesc Palladium (1 321 lugares). Rua Rio de Janeiro, 1046, Centro, ☎ 3270-8100. → Terça (21), 21h. R$ 40,00 a R$ 100,00. Bilheteria: 9h/21h (ter. a dom.). Cc: M e V. Cd: M e V. IC.

Fonte: VEJA BELO HORIZONTE