Shows

Programação de shows para os dias 07 a 13 de julho

Por: Raíssa Pena - Atualizado em

Rama Oliveira
(Foto: Redação VejaBH)

Zizi Possi: acompanhada do violonista Celso Moreira, ela interpreta canções de Chico Buarque no Sesc Palladium

5 A SECO. O quinteto já é sucesso entre o público moderninho de São Paulo. Formam a banda Vinícius Calderoni, Tó Brandileone, Leo Bianchini, Pedro Altério e Pedro Viáfora. Com apenas dois anos de estrada, eles já colecionam parcerias de respeito. Lenine, Chico César e Maria Gadú gravaram participações no elogiado primeiro disco, Ao Vivo no Auditório Ibirapuera (2011). Samba de raiz, indie rock, jazz, ritmos caribenhos e até hip-hop estão entre as influências musicais. Quem quiser conhecer melhor o repertório e o som do grupo antes do show poderá baixar catorze faixas gratuitamente no site oficial: www.5aseco.com.br. Livre. Teatro Oi Futuro Klauss Vianna (329 lugares). Avenida Afonso Pena, 4001, Mangabeiras, ☎ 3229-3131 → Neste sábado (7), 21h, e domingo (8), 19h. R$ 15,00. Bilheteria: terça a sábado, 15h às 21h; domingo, 13h às 19h.

CIRCUITO DO ROCK. Em homenagem ao Dia Internacional do Rock, na sexta (13), três casas de shows da cidade têm programação especial. Nove grupos covers locais homenageiam ícones do estilo. Circus Rock Bar: Hocus Pocus (Beatles), Seu Madruga (AC/DC) e Aeroguns (Guns N' Roses e Aerosmith). Jack Rock Bar: U2 Cover Brasil (U2), Velotrol (Led Zeppelin, The Doors, Beatles) e Rock Station (Audioslave, System of a Down, Green Day); Lord Pub: Aeroplane (Red Hot Chili Peppers), Singles (Pearl Jam) e Ca$h (Radiohead, The Strokes, Stone Temple Pilots). Circus Rock Bar (400 pessoas). Rua Gonçalves Dias, 2010, Lourdes, ☎ 3223-0090. Jack Rock Bar (400 pessoas). Avenida do Contorno, 5623, Funcionários, ☎ 3227-4510. Lord Pub (450 pessoas). Rua Viçosa, 263, São Pedro, ☎ 3223-5979. Todos os shows acontecem na sexta (13), a partir das 23h. R$ 30,00 (mulheres); R$ 40,00 (homens).

CHITÃOZINHO E XORORÓ. Os irmãos paranaenses tiveram sua ascensão nos anos 70 com o lançamento do disco Galopeira. Consagraram-se como a primeira dupla sertaneja a tocar no rádio e incluir em suas melodias o banjo e a guitarra elétrica. Hoje acumulam 34 álbuns, uma coleção de hits e uma posição nobre na música caipira. O show gratuito da turnê Inseparáveis comemora o aniversário de 314 anos da cidade de Ouro Preto. No repertório estão os maiores sucessos da dupla, como Coração Sertanejo, Evidências, Fio de Cabelo e Nascemos para Cantar. Praça Tiradentes, 4, Centro, Ouro Preto (a 96 quilômetros de Belo Horizonte). Neste domingo (8), 22h. Grátis.

EDU LOBO. Ele venceu o mítico Festival da Música Popular Brasileira de 1967 com a canção Ponteio, interpretada no dueto com Marília Medalha. Sucessos de sua autoria como Upa, Neguinho e Arrastão estouraram nos anos 60 na voz de Elis Regina. A partir daí, suas parcerias com Vinicius de Moraes, Chico Buarque e Tom Jobim o elevavam aos poucos ao status de ícone da MPB. Há cinquenta anos na estrada, Edu Lobo volta a Belo Horizonte para apresentar seu mais recente disco de inéditas, Tantas Marés (2010). Os clássicos também estão previstos no repertório, para não decepcionar ninguém. Grande Teatro do Palácio das Artes (1 705 lugares). Avenida Afonso Pena, 1537, Centro, ☎ 3236-7400 → Sábado (14), 21h. R$ 60,00 a R$ 80,00. Bilheteria: 10h/21h (seg. a sáb.); 14h/20h (dom. e feriados). Os ingressos também podem ser adquiridos nos quiosques Americanas.com Blockbuster. Cc: V e M. Cd: V e M. IC.

LIRINHA. O pernambucano José Paes de Lira ficou mais conhecido como Lirinha quando estourou no comando da banda Cordel do Fogo Encantado. Pela primeira vez em BH como artista-solo, ele apresenta seu novo trabalho no Granfinos. Em vez das performances e dos recursos cênicos característicos do grupo que o tornou famoso, arranjos poéticos e letras mais introspectivas marcam seu primeiro disco sem o Cordel, Lira. O download das faixas pode ser feito gratuitamente pelo site oficial do artista: www.josepaesdelira.net. Granfinos (850 pessoas). Avenida Brasil, 326, Santa Efigênia, ☎ 3241-1482. Neste sábado (7), 0h. R$ 40,00 a R$ 50,00 (R$ 30,00 com cadastro na lista amiga do site www.grafinos.com.br. Os ingressos também podem ser adquiridos pelo site www.sympla.com.br/granfinos. Cc: A, D, M e V.

MOSTRA CULTURAL CONTEMPORÂNEA. Começa neste fim de semana o evento que vai realizar, até 2 de setembro, mais de trinta shows na cidade. A ideia é apresentar novos expoentes da música brasileira em espetáculos intimistas e a preços camaradas. Neste sábado (7), acontece o show da cantora Karina Buhr e, no domingo (8), o da banda de BH Zimun. Funarte (139 lugares). Rua Januária, 68, Floresta, 3271-7237. Neste sábado (7), 17h e 19h, e domingo (8), 17h. R$ 10,00. Os ingressos serão vendidos uma hora antes dos espetáculos. Pagamento somente em dinheiro. www.contemporanea.mus.br.

RAFAEL MARTINI. O multi-instrumentista que integrou grupos locais, como Quebrapedra, Ramo e Misturada Orquestra, lança seu primeiro disco-solo. Motivo traz sete canções próprias e uma releitura da peça de orquestra Tempo de Mar, de Tom Jobim. Mais conhecido como compositor e instrumentista, desta vez ele solta a voz em três faixas. Para a apresentação no Museu de Arte da Pampulha, almofadas serão espalhadas pelo auditório e não haverá a divisão formal entre o palco e a plateia. Auditório do Museu de Arte da Pampulha (240 lugares). Avenida Otacílio Negrão de Lima, 16585, Pampulha, ☎ 3277-7996. Neste sábado, 18h30. R$ 20,00. O valor inclui o CD. Ingressos à venda no Museu de Arte da Pampulha no dia do evento, a partir das 17h. Pagamento somente em dinheiro ou cheque.

SAMBA DO BRASIL. O projeto semanal que reúne o melhor do samba de raiz recebe, neste domingo (8), Serginho Procópio, cantor e compositor da Velha Guarda da Portela. 18 anos. Mercado das Borboletas (1 200 lugares). Avenida Olegário Maciel, 742, Centro, ☎ 3267-7411. Neste domingo (8), 16h. R$ 10,00 (mulheres) e R$ 15,00 (homens). Pagamento somente em dinheiro.

SARAVÁ. O grupo apresenta canções de vários gêneros aparentados, como samba, afoxé, embolada, frevo, baião e maracatu, entre outros. Também faz releituras de grandes compositores, como Pixinguinha, Waldir Azevedo, Jackson do Pandeiro, Tom Zé, João do Vale, Moraes Moreira, Baden Powell, Cartola e Noel Rosa. A trupe é formada por Luana Aires (voz e escaleta), Leo Assunção (voz e violão de sete cordas), Renato Muringa (voz, bandolim, cavaquinho), Marcela Nunes (flauta transversal e escaleta), Paulo PG Rocha (voz e percussão) e Mário Jaymovich (voz e percussão). 18 anos. Cartola Bar. Rua Vila Rica, 1168, Caiçara, ☎ 3464-9778. Todos os sábados, 22h. R$ 12,00 (mulheres) e R$ 15,00 (homens). Cc: M, D e V. Cd: R e V.

TIÃODUÁ. O trio formado por três jovens músicos belo-horizontinos faz show de lançamento do primeiro CD, que leva o nome da banda. Luiz Gabriel Lopes é cantor e compositor do Graveola e o Lixo Polifônico, Gustavo Amaral é compositor, cantor e baixista e Juninho Ibituruna, o baterista do trio, lidera o projeto de eletrônica/afrobeat Mundo Pacumã. Vinnil Cultura Bar (150 lugares). Rua Inconfidentes, 1068, Funcionários,☎ 3261-7057. Quarta (11), 21h. R$ 15,00. Cc: V, M, A. D. Cd: V, M.

TIÊ. Leia em Veja BH Recomenda (pág. 8). Granfinos (850 pessoas). Avenida Brasil, 326, Santa Efigênia, ☎ 3241-1482. Sexta (13), 23h. R$ 40,00 a R$ 50,00 (R$ 30,00 com cadastro na lista amiga do site www.grafinos.com.br). Ingressos podem ser adquiridos pelo site www.sympla.com.br/granfinos. Cc: A, D, M e V.

ZIZI POSSI. A segunda edição do projeto Compositores.BR traz à cidade dois nomes importantes do cenário nacional. O violonista Celso Moreira e a diva da MPB Zizi Possi apresentam show em homenagem a Chico Buarque. Estão garantidos no repertório os clássicos Beatriz, Valsa Brasileira, Tanta Saudade, O Circo Místico e A Banda. Na primeira parte do espetáculo, Celso Moreira, acompanhado por André Limão Queiroz (bateria), Christiano Caldas (teclado), Milton Ramos (baixo) e o músico convidado Chico Amaral, apresenta versões instrumentais para as canções. Em seguida, Zizi canta sucessos de Chico como Pedaço de Mim, que fez sucesso em sua voz em 1979. Livre. Grande Teatro do Sesc Palladium (1 321 lugares). Avenida Augusto de Lima, 420, Centro, ☎ 3214-5350 → Sábado (14), 20h. R$ 20,00 a R$ 40,00. Bilheteria: 9h/21h (ter. a dom.). Cc: V e M. Cd: V e M. IC.

Fonte: VEJA BELO HORIZONTE