Shows

Shows: Programação de shows para os dias 24 a 30 de novembro

Por: Rafael Rocha - Atualizado em

Ananda Sette
(Foto: Redação VejaBH)

Ricardo Novais (nesta página): no domingo (2), o violonista apresenta seu disco Parque no Auditório do Museu Histórico Abílio Barreto

ALINE CALIXTO. Nos últimos tempos ela vem construindo uma carreira com desdobramentos em outros estados. Seu repertório é composto de sambas tradicionais e contemporâneos. Aline é considerada uma aposta no meio sambista. Neste ano chegou a ser indicada a melhor cantora de samba na 23ª edição do Prêmio da Música Brasileira. Teve a música Flor Morena incluída na trilha da novela Fina Estampa, da Rede Globo. Durante o show ela recebe convidados, os músicos Warley Henrique, Gustavo Maguá, Dona Jandira, Cubanito e os DJs Anônimo e Yuga. 18 anos. Granfinos (800 pessoas). Avenida Brasil, 326, Santa Efigênia, ☎ 3241-1482. Neste sábado (24), 22h. R$ 30,00. Cd: M e V. Bilheteria: 14h às 19h (seg. a sex.). Lista amiga no site www.granfinos.com.br

BH BEATLE WEEK. Durante quatro dias a capital mineira recebe o festival que homenageia o quarteto de Liverpool. Cinco espaços estão reservados para shows de bandas cover locais, de outros estados e do exterior. Além de pratas da casa, como Hocus Pocus e Yesterdays, a programação também terá a banda argentina Star Beetles e a gaúcha Hare Georgesons, que se dedica apenas ao repertório de George Harrison. 18 anos. Diferentes locais e horários. De quarta (28) a sábado (1º). R$ 20,00 a R$ 50,00. Clique aqui e confira a programação completa.

BH MUSIC STATION. Chega ao fim o festival que ocupou as estações do metrô da capital. O encerramento, aliás, acontece em grande estilo, com as melhores atrações da seleção musical. Neste sábado (24) Ibrahim Ferrer Junior, filho de Ibrahim Ferrer, um dos grandes nomes da música cubana, estará na Estação Santa Inês. A banda Constantina faz show na Estação Minas Shopping. É imperdível o show do grupo Bixiga 70, que leva ao palco da Estação Vilarinho sua big band cheia de suingue e ginga. Sempre marcante, Otto é o último a se apresentar no mesmo local. Entrada obrigatória pela Estação Central. 18 anos. Praça da Estação. Praça Rui Barbosa, s/nº, Centro, ☎ 4003-5588. Neste sábado (24), 23h30. R$ 100,00. Ingressos à venda na bilheteria do Chevrolet Hall (Avenida Nossa Senhora do Carmo, 230, Savassi). TF.

CONSTANTINA. Criada em 2003 por André Veloso (teclados e sintetizadores), Bruno Nunes (guitarra), Daniel Nunes (bateria), Gustavo Gazzola (guitarra), Lucas Morais (trompete), Thiago Vieira (baixo) e Túlio Castanheira (vibrafone e percussão), a banda instrumental extrai das guitarras uma sonoridade com interferências eletrônicas. O show inédito, organizado por crowdfunding (financiamento coletivo), apresenta pela primeira vez o novo EP Pacífico, com participações especiais de Wado, MC Matéria Prima e Franny Glass, que contribuíram na gravação do disco. Também estão no programa canções dos últimos quatro álbuns. Abertura com discotecagem do projeto Transa - Música Brasileira. 18 anos. CentoeQuatro. Praça Ruy Barbosa, 104, Centro, ☎ 3222-6457. Sábado (1º), 22h. R$ 25,00 a R$ 40,00. Ingressos antecipados em www.sympla.com.br.

CREED. Em 2011, o cantor americano Scott Stapp veio ao Brasil com uma turnê-solo. Na ocasião ele ignorou músicas da banda pós-grunge Creed, da qual é vocalista. Agora, Stapp retorna ao lado de Mark Tremonti (guitarra), Scott Phillips (bateria) e Brian Marshall (baixo). Executa, entre outras, as canções My Sacrifice e With Arms Wide Open. 16 anos. Chevrolet Hall (5 500 lugares). Avenida Nossa Senhora do Carmo, 230, Savassi, ☎ 3209-8989. Sábado (1º), 22h. R$ 200,00 (pista/arquibancada) a R$ 250,00 (pista/arquibancada). Bilheteria: 12h/20h (seg. a sáb.); 14h/20h (dom. e feriados). Cc: todos. Cd: M e V. TF. www.chevrolethallbh.com.br.

FESTA DO SAMBA. Nomes que alimentam a cena sambista da cidade integram a programação da primeira edição do evento, que acontece em dois endereços. O grande homenageado será Mestre Affonso, importante pesquisador e militante do samba em Minas Gerais que faleceu em outubro. Palestras e exibição de documentários também preenchem a lista de atrações. Aproveitando o Dia Nacional do Samba, o evento também objetiva valorizar os compositores e intérpretes locais. No sábado (1º) dois shows acontecem no Granfinos. O primeiro com Serginho Beagá, Dona Eliza e Cabral; e o segundo com Janaína Moreno, Ricardo Barrão e Fernando Bento. No domingo (2), uma roda de samba será promovida no Centro Cultural Padre Eustáquio, com apresentação de Fabinho do Terreiro, Dudu Nicácio, Silvia Gommes e Pirulito da Vila. Livre. Centro Cultural Padre Eustáquio. Rua Jacutinga (antiga Feira Coberta), 821, Padre Eustáquio, ☎ 3277-8394/3277-7269. Granfinos (800 pessoas). Avenida Brasil, 326, Santa Efigênia, ☎ 3241-1482. Sábado (1º), 22h; e domingo (2), 12h. Grátis.

GERALDO AZEVEDO. Fazia doze anos que ele não aparecia em Belo Horizonte. Agora, o músico pernambucano retorna para apresentar seu novo álbum, Salve São Francisco. No trabalho, a beleza do rio que intitula a obra é traduzida em CD e DVD. A coletânea tem participação de grandes nomes, como Dominguinhos, Alceu Valença, Maria Bethânia, Ivete Sangalo, Djavan, Moraes Moreira, Fernanda Takai, Roberto Mendes, Geraldo Amaral, Vavá Cunha e Márcia Porto. No show, Geraldo sobe ao palco acompanhado pelos músicos Luiz Antônio (teclados), Humprhy Scott (baixo), Tiago Azevedo (bateria) e Vitor Motta (sax). 16 anos. Grande Teatro do Sesc Palladium (1 321 lugares). Rua Rio de Janeiro, 1046, Centro, ☎ 3214-5355. Quinta (29), 21h. R$ 30,00 a R$ 50,00. Bilheteria: 9h/21h (ter. a dom.). Cc: M e V. Cd: M e V. IC.

IVETE SANGALO. O show é gratuito, promovido por uma empresa nacional de banda larga, telefonia fixa e TV por assinatura. O motivo é especial, o aniversário de 115 anos de Belo Horizonte. A contagiante cantora baiana apresenta sua nova turnê, Real Fantasia, do disco homônimo, com catorze faixas. Quarentona (e ainda cheia de sex appeal), ganhou as telas da TV brasileira neste ano ao participar da regravação de Gabriela, na Rede Globo. O show será transmitido ao vivo pelo site www.pmc.com.br. 14 anos. Praça da Estação (30 000 pes­soas). Praça Rui Barbosa, s/nº, Centro. Domingo (2), 18h. Os ingressos devem ser retirados no Mercado Central (Avenida Augusto de Lima, 744, Centro).

LAURA LOPES. A cantora mineira lança seu primeiro álbum, chamado Abaporu, em dois shows no mesmo dia. O disco encontra-se disponível para down­load em seu website (www.lauralopes.art.br). Onze canções concebidas por conceituados conterrâneos compõem o disco. O belo-horizontino Thiakov (Thiago Mundim) e o violonista português João Pires são os diretores musicais do trabalho. No Rio de Janeiro, onde morou durante um tempo, a cantora foi finalista do concurso Novos Bambas do Velho Samba, em novembro de 2009. Na mesma cidade participou da mostra Novos Talentos da Música. Livre. MAP — Museu de Arte da Pampulha (400 lugares). Avenida Doutor Otacílio Negrão de Lima, 16585, Pampulha, ☎ 3277-7996. Neste sábado (24), às 19h e 21h. R$ 30,00. Ingressos à venda nas lojas Livraria Quixote (Rua Fernandes Tourinho, 274, Savassi), Livraria Mineiriana (Rua Paraíba, 1410, Savassi), DUB (Rua da Bahia, 1148, sobreloja 5, Edifício Malleta) e Balaio de Gato (Rua Piauí, 1053, Funcionários).

MALLU. Leia em Veja BH Recomenda. 18 anos. Granfinos (800 pessoas). Avenida Brasil, 326, Santa Efigênia, ☎ 3241-1482. Quinta (29), 22h. R$ 50,00 a R$ 80,00. Cd: M e V. Bilheteria: 14h às 19h (seg. a sex.). Lista amiga no site www.granfinos.com.br

MARCOS FREDERICO. O bandolinista está lançando seu terceiro álbum, intitulado Entoando Loas. O disco inclui versões instrumentais das inéditas Ave Lira (Marcos Frederico, Brisa Marques e Flávio Henrique), Valsa sem Fim (Marcos Frederico e Murilo Antunes) e regravações das valsas Mirian, Carola e Persides. As duas últimas registradas ao vivo com participação de Nicolas Krassik. 18 anos. Sala Júlio Mackenzie do Sesc Palladium. Avenida Augusto de Lima, 420, Centro, ☎ 3214-5355. Terça (27), 20h. R$ 15,00. www.sescmg.com.br.

MARIA BRAGANÇA. A elogiada saxofonista mineira divide o palco com outros dois artistas de qualidade, a pianista carioca Maria Teresa Madeira e o baterista Márcio Bahia. A promoção é do projeto Encontros, do Conservatório da UFMG. O repertório divide-se entre o clássico e o popular. Entram os temas Sonata em Sol Menor, de Bach, Valsa Triste, de Radamés Gnatalli, e Oblivion, do argentino Astor Piazzola, além de outras músicas do repertório brasileiro. Da safra mineira atual participam do show o guitarrista Samy Erick e o baixista Chacal. Livre. Conservatório UFMG (220 lugares). Avenida Afonso Pena, 1534, Centro, ☎ 3409-8300. Neste sábado (24), 20h. R$ 12,00. www.ufmg.br/conservatorio.

MARISA MONTE. Em tempos de ingressos encalhados para Lady Gaga, impressiona a marca de 50 000 bilhetes vendidos antecipadamente, somente em São Paulo, para os shows da turnê Verdade, uma Ilusão. Mais que cantora e compositora, Marisa Monte é uma artista completa. Neste sábado (24) e domingo (25), ela faz suas últimas apresentações no Palácio das Artes da turnê motivada pelo disco O que Você Quer Saber de Verdade. Quase não há entradas disponíveis. A projeção de imagens de obras feitas por artistas contemporâneos, entre eles os mineiros Cao Guimarães, Rivane Neuens­chwan­der e Thiago Rocha Pitta, tem causado impacto visual na plateia. Fazia quase seis anos que Marisa não lançava um álbum novo e este, na verdade, nem é seu melhor trabalho. Mas vê-la no palco sempre causa deslumbramento. Quem conferiu a cerimônia de encerramento da Olimpíada de Londres certamente concorda. Sua onírica interpretação da Bachiana Nº 5, de Villa-Lobos, mereceu medalha de ouro. Canções marcantes de discos anteriores também estão no repertório. 14 anos. Grande Teatro do Palácio das Artes (1 705 pessoas). Avenida Afonso Pena, 1537, Centro, ☎ 3236-7400. Neste sábado (24), 21h; e neste domingo (25), 20h. R$ 220,00 a R$ 280,00. Bilheteria: 10h/21h (seg. a sáb.); 14h/20h (dom. e feriados). Ingressos também podem ser adquiridos nos quiosques Americanas.com Blockbuster. Cc: V e M. Cd: V e M. IC. www.fcs.mg.gov.br.

OSWALDO MONTENEGRO. Nome de peso na MPB, o músico apresenta na capital mineira seu novo show chamado De Passagem. Além da música, o artista mantém bem-sucedida carreira paralela no cinema, na literatura e no teatro. Empunhando violas de seis e doze cordas e também à frente do teclado, ele baseia seu repertório no disco homônimo, lançado em 2011. Entre as canções inéditas estão Eu Quero Ser Feliz Agora, A Vida Quis Assim e Velhos Amigos, que se intercalam com grandes sucessos de sua carreira, como Bandolins, A Lista e Lua e Flor, entre outros. 16 anos. Chevrolet Hall (5 500 lugares). Avenida Nossa Senhora do Carmo, 230, Savassi, ☎ 3209-8989. Sexta (30), 22h. R$ 60,00 (pista/arquibancada) a R$ 400,00 (mesa com quatro lugares). Bilheteria: 12h/20h (seg. a sáb.); 14h/20h (dom. e feriados). Cc: todos. Cd: M e V. TF. www.chevrolethallbh.com.br.

RICARDO NOVAIS. Ainda em fase de lançamento do disco Parque, o violonista, cantor e compositor conta com participações de Marcelo Pereira (flauta e sax), Luiz Henrique Moreira (violino) e André Durval (teclado e acordeão). Bacharel em violão pela UFMG, o músico já gravou dois CDs instrumentais, o primeiro intitulado Ricardo Novais, com obras para violão-solo, e o segundo como integrante do Trio Micrômegas. Livre. Auditório do Museu Histórico Abílio Barreto. Avenida Prudente de Morais, 202, Cidade Jardim, ☎ 3277-8573. Domingo (2), 11h30. Grátis.

SAMBATARDE. Para comemorar o Dia Nacional do Samba, um palco será montado no coração da Savassi para apresentação de grandes nomes do gênero. Entre as atrações estão a incansável cantora Elza Soares, os mineiros do Zé Guiomar, Dudu Ninácio e a bateria da Portela. Livre. Quarteirão fechado da Rua Antônio de Albuquerque, entre as ruas Alagoas e Sergipe, ☎ 3463-1300. Domingo (2), a partir das 15h. Grátis (mediante doação de 1 quilo de alimento não perecível).

SENTA A PUA!. Formado por Rodrigo Torino no violão, Juventino Dias no trompete, Tiago Ramos nos saxofones, Pablo Malta no cavaquinho, Aloízio Horta no baixo e Gustavo Grieco na bateria, o grupo apresenta espetáculo baseado em choros, sambas de gafieira, maxixes e boleros. Em seu repertório, composições próprias e versões para canções de artistas do gênero como Paulo Moura, K-Ximbinho, Raul de Barros, Zé da Velha e Silvério Pontes, além de sambas de Chico Buarque, João Bosco e Dorival Caymmi. 18 anos. Granfinos (800 pessoas). Avenida Brasil, 326, Santa Efigênia, ☎ 3241-1482. Sexta (30), 22h. R$ 20,00. Cd: M e V. Bilheteria: 14h às 19h (seg. a sex.). Lista amiga no site www.granfinos.com.br.

STACEY KENT. Leia em Veja BH Recomenda. Grande Teatro Sesc Palladium (1 321 lugares). Avenida Augusto de Lima, 420, Centro, ☎ 3214-5355. Sexta (30), 21h30. R$ 200,00 a R$ 300,00. Bilheteria: 9h/21h (ter. a dom.). Cc: V e M. Cd: V e M. IC. www.sescmg.com.br.

Fonte: VEJA BELO HORIZONTE