Teatro

Como Ter Sexo a Vida Toda com a Mesma Pessoa dá dicas bem-humoradas para manter a saúde do relacionamento

Peça em cartaz no Espaço Cultural Ambiente, no Santa Efigênia, foi inspirada na obra do filósofo e poeta francês Gaston Bachelard

Por: Isabella Grossi - Atualizado em

Roberto Wagner
(Foto: Redação VejaBH)

A atriz Tania Bondezan encarna uma sexóloga no monólogo cômico: estreia na sexta (3)

O título, enorme, não foi colocado ao acaso. O monólogo cômico Como Ter Sexo a Vida Toda com a Mesma Pessoa, da argentina Mónica Salvador, sucesso há cinco anos no país vizinho, vai direto ao ponto. Durante setenta minutos, a sexóloga vivida pela atriz Tania Bondezan conduz a plateia numa divertida palestra sobre a complicada arte de conviver e fazer sexo com o mesmo parceiro. Tem dicas para superar crises e receitas para manter sempre aceso o fogo do relacionamento. A direção é de Odilon Wagner (70min). 16 anos.

Teatro Bradesco (613 lugares). Rua da Bahia, 2244, Lourdes, ☎ 3516-1027. → Sexta (3) e sábado (4), 21h, e domingo (5), 20h. R$ 60,00. Bilheteria: 12h/21h (seg. a sex.); 12h/20h (sáb.); 12h/19h no domingo.

Teatro e dança: programação para os dias 27 de abril a 03 de maio

› ESTREIAS

Hã?!

O humorista Diogo Portugal mostra o cotidiano de forma divertida e, boa parte das vezes, improvisada. No palco, ele consegue transformar casamento, religião, sexo e paternidade, entre outros temas, em motivo de risada. Um dos precursores da nova geração do stand-up — a chamada comédia de cara limpa, sem figurinos nem personagens -, o curitibano já participou do programa Zorra Total, da Rede Globo, e, há dez anos, organiza um dos maiores festivais de humor da América do Sul, o Risorama, realizado em Curitiba (60min). 14 anos.

Teatro Bradesco (613 lugares). Rua da Bahia, 2244, Lourdes, ☎ 3516-1027. → Neste sábado (27), 21h, e domingo (28), 19h. R$ 60,00 a R$ 80,00. Bilheteria: 12h/21h (seg. a sex.); 12h/20h (sáb.); 12h/19h no domingo.

A Marca da Água

Depois de Alice Através do Espelho (1999), Toda Nudez Será Castigada (2005) e Antes da Coisa Toda Começar (2010), a Armazém Companhia de Teatro volta com uma montagem para comemorar os 25 anos do grupo. Com direção de Paulo de Moraes, que assina o drama com Maurício Mendonça, Patrícia Selonk vive Laura, uma mulher de meia-idade vítima de uma doença neurológica causada por um acidente na infância. Quando ela passa a ter acesso a remotas lembranças, vive o conflito entre o real e o imaginário. O cenário tem uma piscina com 3 000 litros de água e um paredão para projeções. A peça foi indicada aos principais prêmios cariocas de 2012 e participará de festivais na Europa (70min). 12 anos.

Grande Teatro - Sesc Palladium

(1 321 lugares). Rua Rio de Janeiro, 1046, Centro, ☎ 3214-5350. → Neste sábado (27), 21h, e domingo (28), 19h. R$ 20,00. Bilheteria: 9h/21h (ter. a dom.). Cc: M e V. Cd: M e V. IC.

› REESTREIAS

A Arte de Varrer para Baixo do Tapete

Na reflexão cênica, Mônica Ribeiro e Cida Falabella, que também dirige o espetáculo, dialogam com recortes da obra Cenas de um Casamento Sueco, de Ingmar Bergman (60min). 14 anos. Estreou em 22/1/2013.

Funarte MG (100 lugares). Rua Januária, 68, Floresta, ☎ 3213-3084. Sexta (3) e sábado (4), 21h, e domingo (5), 19h. R$ 10,00. A bilheteria abre uma hora antes. Cc: M e V. Cd: M e V.

Como a Gente Gosta

Baseada na obra As You Like It, de William Shakespeare, a comédia musical reflete sobre o amor e suas inúmeras manifestações, levando para o lado adulto a atuação do Grupo Maria Cotia, conhecido pelas peças infantis. Dirigidos por Eduardo Moreira, os atores vivem as loucuras de um amor apaixonado, distinguindo os universos feminino e masculino. A trilha sonora é executada ao vivo sob a batuta de Hugo Araújo e Marco França (60min). Livre. Estreou em 17/12/2011.

Praça do Papa, s/n°, Mangabeiras. Domingo (5), 17h. Grátis.

› EM CARTAZ

Adeusàmorte

A dramaturga paulista Lucienne Guedes e o diretor mineiro Cristiano Peixoto constroem uma narrativa fantasiosa inspirada na obra As Intermitências da Morte, do escritor português José Saramago. Com um humor sutil, o drama mistura histórias desencadeadas a partir de uma "greve da morte", que torna real o anseio pela vida eterna. "Saramago abre uma nova janela sobre esse tema, reivindicando a possibilidade de uma morte nobre. Uma morte com a qual se encontra, se luta, e essa batalha é aquela que dará sentido a toda uma existência", explica Peixoto. Para a construção do texto foram utilizados também memórias e depoimentos de pessoas que enfrentaram de perto o fim (70min). 12 anos.

Galpão Cine Horto (200 lugares). Rua Pitangui, 3613, Horto, ☎ 3481-5580. Sexta a domingo, 20h. R$ 20,00. A bilheteria abre duas horas antes. Até 12 de maio. Átridas - O Homem

Morto na Banheira

Inspirada na obra de Vittório Alfieri e Ésquilo, a tragédia é contada a partir do mito grego de Agamenon e da maldição da família dos Átridas. O fio condutor é o assassinato do rei por sua esposa, Clitemnestra, quando ele retorna vitorioso da Guerra de Troia. A direção é de Alexandre Toledo (80min). 14 anos. Estreou em 26/10/2012.

Teatro João Ceschiatti - Palácio das Artes (148 lugares). Avenida Afonso Pena, 1537, Centro, ☎ 3236-7400. → Cc: M e V. Cd: M e V. Neste sábado (27), 21h, e domingo (28), 20h. R$ 30,00. Bilheteria: 10h/21h (seg. a sáb.); 14h/20h no domingo. IC.

Aonde Está Você Agora

O drama de Regiana Antonini usa como pano de fundo a canção Vento no Litoral, de Renato Russo, para discutir a importância da verdadeira amizade. No palco, Caio Cézar e Gabriel Marques Amaral vivem dois amigos que foram separados pela vida, mas continuam compartilhando os sentimentos mais puros. Direção de Fernando Couto e Ari Nóbrega (60min). 12 anos. Estreou em 18/4/2013.

Teatro Sesi Holcim (115 lugares). Rua Padre Marinho, 60,

Santa Efigênia, ☎ 3241-7181. → Quinta, 20h; sexta e sábado, 21h; domingo, 19h. R$ 40,00/Postos Sinparc, R$ 15,00. Bilheteria: todos os dias, das 13h às 19h, e no dia do espetáculo até a hora da apresentação. Até 12 de maio.

Como Sobreviver em Festas e Recepções com Buffet Escasso

Na adaptação da obra de Ângelo Machado, o protagonista, Carlos Nunes, narra fatos típicos em ambientes de festa e ensina alguns truques à plateia para que não passe por situações desagradáveis ou constrangedoras nessas oca­siões, em que nem sempre a comida e a bebida são suficientes para todos os convidados. Quem dirige a comédia é Enio Reis (95min). 12 anos. Estreou em 23/6/2000.

Teatro Alterosa (320 lugares). Avenida Assis Chateaubriant, 499, Floresta,☎ 3237-6611. → Neste sábado (27), 21h, e domingo (28), 19h. R$ 30,00/Postos Sinparc, R$ 15,00. Bilheteria: terça a domingo, 12h às 19h30, e no dia do espetáculo até a hora da apresentação. Teatro Sesiminas (660 lugares). Rua Padre Marinho, 60, Santa Efigênia, ☎ 3241-7181. → Sábado (4), 21h, e domingo (5), 19h. R$ 30,00/Postos Sinparc, R$ 15,00. Bilheteria: 13h/19h todos os dias. IR.

✪✪ A Loja - Como Encantar Seu Cliente

No palco desta comédia, os atores recriam, de maneira descontraída, as técnicas de venda praticadas no comércio. A peça foi escrita para treinar e qualificar os profissionais da área, o que torna empresários, gerentes e vendedores o público-alvo. Com essa proposta, o humor convence. Direção de Marco Amaral (60min). Livre. Estreou em 13/4/2012.Teatro da Maçonaria (282 lugares). Avenida Brasil, 478, Santa Efigênia,

☎ 3213-4959. Quinta e sexta, 20h30. R$ 30,00/Postos Sinparc, R$ 12,00. A bilheteria abre uma hora antes do espetáculo. Até 10 de maio.

Meu Tio É... Tia!

Três amigos gays que convivem em um apartamento da cidade grande têm sua rotina modificada com a chegada do sobrinho de um deles, um peão aspirante a locutor de festas de rodeio. Para ocultarem a vida que o tio leva, totalmente desconhecida por seus familiares, eles decidem passar por verdadeiros machões. A comédia é escrita e dirigida por Marco Amaral (80min). Livre. Estreou em 17/7/2004.

Teatro Imaculada Conceição (390 lugares). Rua Aimorés, 1600, Lourdes, ☎ 3014-5382. → Sexta e sábado, 21h; domingo, 19h. R$ 30,00/Postos Sinparc, R$ 12,00. A bilheteria abre duas horas antes do espetáculo. Até 12 de maio.

Proibido para Maiores

Dirigidos por Érica Lima, Hudsonn Moreira e Bianca Tocafundo interpretam um casal que fica preso no banheiro do próprio apartamento em uma sexta-feira de lua cheia. A situação os une e os distancia, enquanto intimidades e medos são revelados. A comédia retrata o amor e o ódio do par, que divide com a plateia momentos engraçados de apuros (60min). 12 anos. Estreou em 27/4/2012.

Teatro Santo Agostinho (368 lugares). Rua Aimorés, 2679, Santo Agostinho, ☎ 2125-6810. → Sexta e sábado, 21h; domingo, 19h. R$ 30,00/Postos Sinparc, R$ 12,00. A bilheteria abre uma hora antes do espetáculo. Até 26 de maio.

A Sogra que Eu Pedi a Deus

Um jovem casal planeja celebrar uma segunda lua de mel no Caribe, mas as férias são adiadas. Para piorar a situação, o apartamento da sogra entra em reforma e ela vai baixar de mala e cuia na casa dos pombinhos. Escrita por Wilson Coca, a comédia tem direção de Roberto Freitas (60min). 12 anos. Estreou em 17/11/2012.

Teatro da Assembleia (145 lugares). Rua Rodrigues Caldas, 30, Santo Agostinho, ☎ 2108-7826. → Sexta e sábado, 21h; domingo, 19h. R$ 32,00/Postos Sinparc, R$ 14,00. A bilheteria abre uma hora antes do espetáculo. Até domingo (5).

› Manifesto jovem

Estreia da Companhia Pierrot Lunar, o espetáculo Tudo de Nós mergulha no universo adolescente

Quatro jovens atores na altura de seus 21 anos esculpem a nova leva da Companhia Pierrot Lunar, a Pierrot Teen, que estreia, na sexta (3), a montagem contemporânea Tudo de Nós. O palco serve de pretexto para romper alguns lugares-comuns sobre a adolescência, com texto criado a partir de fatos autobiográficos somados a fragmentos do clássico O Apanhador no Campo de Centeio, de J.D. Salinger. Músicas, notícias, imagens e outras narrativas incrementam os diálogos (70min). 14 anos.

Espaço Aberto Pierrot Lunar (100 lugares). Rua Ipiranga, 137, Floresta, ☎ 2514-0440. Sexta e sábado, 21h; domingo, 19h. R$ 20,00. A bilheteria abre uma hora antes do espetáculo. Até 12 de maio. Estreia prometida para sexta (3).

Cotações | Péssimo ← | Fraco ✪ | Regular ✪✪ | Bom ✪✪✪ | Muito bom ✪✪✪✪ | Excelente ✪✪✪✪✪

› DANÇA

Cia de Dança Palácio das Artes

Se Eu Pudesse Entrar na Sua Vida faz um recorte do repertório montado pelo grupo nos seus 42 anos de história. Direção de Sônia Mota (80min). Livre.

CentoeQuatro (450 pessoas). Praça Ruy Barbosa, 104, Centro, ☎ 3222-6457. Quarta (1°), quinta (2), sexta (3) e sábado (4), 20h, e domingo (5), 19h. Grátis. A bilheteria abre uma hora antes do espetáculo.

Projeto Singular

Os bailarinos Tuca Pinheiro e Renata Mara e o ator Oscar Capucho traduzem diferentes formas de ver o mundo e apreender a dança em Desassossego em Branco. Portadora de uma doença que causa a degeneração da retina, Renata começou a investigar as interferências da baixa visão em um corpo que baila e, junto aos parceiros, chegou ao resultado. A trilha sonora original foi criada pelo músico e compositor Kiko Klaus. Direção de Tuca Pinheiro (60min). Livre.

Funarte MG (100 lugares). Rua Januária, 68, Floresta, ☎ 3213-3084. Nestes sábado (27), 21h, e domingo (28), 19h. R$ 10,00. A bilheteria abre uma hora antes.

Fonte: VEJA BELO HORIZONTE