Teatro

Contos de Machado de Assis são levados ao palco pela Insensata Cia de Teatro

Espetáculo fica entre sexta (8) e domingo (10) no Palácio das Artes

Por: Rafael Rocha - Atualizado em

Anaís Della Croce
(Foto: Redação VejaBH)

Keu Freire: relações interpessoais e suas tensões

O gênio Machado de Assis narrou como ninguém os pormenores da vida cotidiana brasileira. São de sua autoria os contos Pai contra Mãe e A Cartomante, escritos no fim do século XIX e trazidos ao palco pela Insensata Cia de Teatro, sob a direção de Marcelo do Vale. Intitulado Vulgaridades Sublimes, este drama tenta dissecar as vísceras da vida social, abordando situações que permeiam a banalidade e as misérias das relações interpessoais. A paixão inconsequente de dois amantes ou o amor de um pai pelo seu filho são situações que podem provocar dilemas de ordem moral. No conflito entre o desejo pessoal e a moral vigente, quem sobressai? (50min). 12 anos. Estreou em 26/10/2012.

Palácio das Artes - Sala João Ceschiatti (148 lugares). Avenida Afonso Pena, 1537, Centro, ☎ 3236-7400. → Sexta (8) e sábado (9), 21h; e domingo (10), 19h. R$ 24,00. Cc: M e V. Cd: M e V. Bilheteria: 10h/21h (seg. a sáb.); 14h/20h (dom.). IC.

Teatro: programação para os dias 02 a 08 de novembro

› ESPECIAL

Circo Nacional da China

Formada por ginastas, bailarinos e esportistas, a tradicional atração chinesa não se apresentava em terras brasileiras desde 2008. Nesta temporada, traz o espetáculo A Bela Adormecida, repleto de acrobacias e números que empolgam também pela beleza e pela plasticidade cênica. Há números que mesclam dança, percussão e efeitos visuais. A precisão dos integrantes é fruto de uma preparação quase militar: cada componente passa, em média, dez anos treinando para a estreia como integrante do grupo. Livre.

Palco Brasil - Shopping Del Rey. Avenida Presidente Carlos Luz, 3001, Pampulha, ☎ 4141-6571. Neste sábado (2), 17h e 21h; e neste domingo (3), 16h e 19h. R$ 80,00 a R$ 120,00.

› ESTREIA

Fala Baixo Senão Eu Grito

+ Ainda atual, peça Fala Baixo Senão Eu Grito está em cartaz no Teatro da Cidade

14 anos. Teatro da Cidade (173 lugares).

Rua da Bahia, 1341, Centro, ☎ 3273-1050. Quinta, sexta e sábado, 20h30; e domingo, 19h. R$ 15,00 (postos Sinparc) a R$ 40,00. Bilheteria: 14h/19h (ter. e qua.); a partir das 14h (qui. e sex.); a partir das 16h (sáb. e dom.). Até dia 24.

› EM CARTAZ

Um Baile de Máscaras

Os tenores Marc Heller (EUA) e Paulo Mandarino (Brasil) e as sopranos Eiko Senda (Japão) e Elaine de Morais (Brasil) são os intérpretes desta montagem da ópera de Giuseppe Verdi (1813-1901), cuja primeira versão acabou censurada em 1859, quando foi escrita. Ao sugerirem temas como assassinato e conspirações políticas numa época em que Napoleão III quase foi morto de verdade em Paris por um revolucionário, 297 das 884 linhas originais do libreto tiveram de ser alteradas ou removidas. A trama trata da história de intrigas em que se envolve Gustavo III, rei da Suécia, que ama em segredo Amélia, esposa de seu leal amigo e secretário Renato. A paixão proibida é recíproca, mas os súditos do rei o alertam sobre a iminência de uma possível conspiração que tem como componente importante uma estranha vidente chamada Ulrica. Ódio, traição e morte desvelam-se na intrincada trama que culmina em um trágico baile de máscaras que, nesta montagem, ganhou ares de quadrilha mineira. A montagem é uma homenagem ao bicentenário de nascimento do célebre compositor italiano (2h40min, com dois intervalos). Livre.

Grande Teatro do Palácio das Artes (1 705 lugares). Avenida Afonso Pena, 1537, Centro, ☎ 3236-7400. → Neste sábado (2), 20h30; neste domingo (3), 19h; quarta (6), sexta (8) e sábado (9), 20h30. R$ 70,00. Bilheteria: 10h/21h (seg. a sáb.); 14h/20h (dom.).

Cc: M e V. Cd: M e V. IC. www.fcs.mg.gov.br.

Falando a Veras

No contexto atual, em que quase há um humorista em cada esquina contando piadas nem sempre originais, é preciso rebolar para conquistar seu público cativo. Ter versatilidade é talvez o grande trunfo de Marcos Veras. Basta lembrar que recentemente ele esteve por aqui num papel que tinha um quê de suspense como protagonista da peça Atreva-se, dirigida por Jô Soares. Nas manhãs, ele aparece como redator e repórter do programa Encontro com Fátima Bernardes, da Rede Globo. Seus números com piadas mais amistosas a gente vê no Zorra Total, humorístico da mesma emissora. Mas é no Porta dos Fundos que ele vive personagens mais desbocados, como é de praxe do canal de humor que investe em uma espécie de cruzada contra o politicamente correto. Neste stand-up ele mostra seu arsenal de piadas ferinas (60min). 14 anos.

Grande Teatro - Sesc Palladium (1 321 lugares). Rua Rio de Janeiro, 1046, Centro, ☎ 3279-1500. → Neste sábado (2), 20h; e neste domingo (3), 19h. R$ 50,00 a R$ 60,00. Bilheteria: 9h/21h (ter. a dom.). Cc: M e V. Cd: M e V. IC.

O Homem da Cabeça de Papelão

A montagem do grupo Iluminartt, de Pará de Minas, chega ao encerramento de sua turnê. Adaptado do conto de João do Rio, este drama se passa num lugar onde frutificam ideais de corrupção, hipocrisia e egoísmo. Nesse contexto, a presença de Antenor destoa. Ele é um jovem que acredita na honestidade, na generosidade e no amor. Como é apenas um entre os demais, acaba repelido por seus conterrâneos e pela família. Até Antonia, sua companheira, o joga para escanteio, o que o leva a crer que o problema é com ele. A única saída que encontra é trocar sua cabeça por uma de papelão. Isso vai mudar sua vida consideravelmente (60min). 12 anos.

Sala Júlio Mackenzie - Sesc Palladium (76 lugares). Avenida Augusto de Lima, 420, Centro, ☎ 3270-8100. → Neste sábado (2) e domingo (3), 20h. R$ 20,00. Bilheteria: terça a domingo, das 9h às 21h. Cc: M e V. Cd: M e V.

A Mandioca Brava

Yuri Simon é quem dirige esta comédia inspirada no clássico A Mandrágora, de Nicolau Maquiavel. O espetáculo propõe discutir o comportamento humano e seus interesses mais íntimos: a luxúria, a ganância, as instituições familiares, o papel da mulher, a Igreja e a religiosidade. Em cena, sete atores contam a história de um homem da capital que usa e abusa de artimanhas para conquistar o amor de uma mulher casada que mora no interior, mas a produção teve a sábia ideia de realçar traços da cultura mineira nesta montagem (80min). 12 anos. Estreou em 4/10/2013.

Spetáculo Casa de Artes (150 lugares). Rua Pouso Alegre, 1568, Santa Tereza, ☎ 3481-1670. Sexta e sábado, 21h; domingo, 20h. R$ 15,00 (postos Sinparc) a R$ 40,00. A bilheteria abre duas horas antes do espetáculo. Até 8 de dezembro.

Prazer

Num país qualquer, distante do Brasil, quatro amigos se reencontram e, apesar de suas angústias, impasses cotidianos e frustrações, tentam buscar a alegria. O drama da Cia. Luna Lunera tem atuação e codireção de Cláudio Dias, Isabela Paes, Marcelo Souza e Silva, Odilon Esteves e Zé Walter Albinati. Também participam do processo criativo os parceiros Éder Santos, Jô Bilac, Mário Nascimento e Roberta Carreri (105min). 16 anos.

Centro Cultural Banco do Brasil (270 lugares). Praça da Liberdade, 450, Funcionários, ☎ 3431-9400. → Sexta, 20h; sábado e domingo, 19h. R$ 10,00. Bilheteria: 9h às 21h (qua. a seg.). Até 22 de dezembro.

Talvez Seja Amor...

No monólogo, a atriz Mayara Dornas apresenta o cotidiano afetivo de sete mulheres. O amor e seus desdobramentos, o acaso e o ocaso, seus encontros e desencontros. Sob a direção de Fabiano Lana, a peça revela um novelo de possibilidades afetivas e olhares femininos. Mayara conta que a música do grupo Los Hermanos serviu de fonte de energia cênica, mas a inspiração maior partiu da leitura do livro Fragmentos de um Discurso Amoroso, de Roland Barthes, o celebrado semiólogo e filósofo francês (50min). 12 anos.

Teatro Sesi Holcim (115 lugares). Rua Padre Marinho, 60, Santa Efigênia, ☎ 3241-7181. Sexta e sábado, 21h; domingo, 19h. R$ 12,00 (postos Sinparc) a R$ 30,00. Bilheteria: todos os dias, das 13h às 19h, e no dia do espetáculo até a hora da apresentação. Até 10 de novembro.

7 Lições para Se Conquistar um Homem (Quase) Perfeito

Sete cenas compõem esta comédia, todas em torno do mesmo tema: a busca das mulheres por um homem ideal. Os atores Fernando Gomes, Alessandro Torino Viggili, Patrícia Lisboa, Patrícia Reis Alvim, Priscila Spinelli e Rafael Neves revezam-se em histórias como a de uma celebridade que vai a um programa de TV para apresentar ao público sua nova conquista amorosa, mas acaba revelando seus fracassos anteriores. Em outra cena, uma mulher acredita que encontrou o homem dos seus sonhos, mas um pequeno detalhe pode desbaratar suas certezas (80min). 10 anos.

Teatro da Maçonaria (282 lugares). Avenida Brasil, 478, Santa Efigênia, ☎ 3213-4959. Neste sábado (2), 19h e 21h; e neste domingo (3), 20h. R$ 15,00 (postos Sinparc) a R$ 30,00. Centro Cultural de Contagem - Teatro da Casa Azul. Rua Doutor Cassiano, 130, Centro, Contagem. Sexta (8), 21h; sábado (9), 19h e 21h; e domingo (10), 20h. R$ 13,00 (antecipado) a R$ 30,00.

✪✪ Domésticas

O cotidiano de uma empregada doméstica é uma usina de boas histórias. Nelas, o contexto não raro é acidentado, repleto de medos, sonhos e frustrações. A relação com a família para a qual presta serviços também pode ser ponto de tensão. Mas nem sempre. Todas essas particularidades são exploradas na comédia Domésticas, a partir de depoimentos reais colhidos Brasil adentro. Colocar a atriz Cacau Protasio no elenco foi uma boa sacada, afinal sua imagem se fixou no imaginário coletivo quando ela atuou como a empregada Zezé na novela Avenida Brasil, da Rede Globo. O resultado, porém, deixa a desejar, e a sensação final é de certa artificialidade (60min).

Palco Brasil - Shopping Del Rey. Avenida Presidente Carlos Luz, 3001, estacionamento G3, Pampulha, ☎ 4141-6571. Domingo (10), 19h. R$ 50,00 a R$ 80,00.

Segredos Íntimos

O canastrão Altamirando vai aplicar um golpe do baú na jovem e rica Suzamara. Mal sabe ele que está entrando em uma roubada. A mulher é confusa e tem tripla personalidade, mas a encrenca maior fica por conta de Izildinha, sua futura sogra. Metida a serial killer, ela decepa a melhor parte do corpo de cada homem para montar seu modelo ideal de macho. Será que Altamirando vai escapar da faca? O elenco da comédia Segredos Íntimos é formado pelos atores Darcy Vargas, Hélio Júnior, Igor Ayres, Igor Santana e Kátia Assis (70min). 12 anos.

Centro Cultural da UFMG (120 lugares). Avenida Santos Dumont, 174, Centro, ☎ 3409-8290. Sexta e sábado, 20h; domingo, 19h. R$ 12,00 (venda antecipada nos postos Sinparc) a R$ 30,00. Até 10 de novembro (não haverá sessões no dia 2 de novembro).

› REESTREIA

✪✪✪ Velório à Brasileira

Sucesso de público do teatro local, a comédia consegue arrancar risadas de um contexto que aborda a ganância que assola os tempos atuais. A peça se passa no velório de um funcionário público. Nele, revela-se que o defunto e mais dois amigos acertaram os números da Me­ga-Sena. O problema é que o bilhete sumiu. Daí em diante começa uma busca pelo bilhete premiado, mas um elemen­to-surpresa deixa a situação hilária (75min). Livre. Estreou em 14/5/2010.

Teatro Nossa Senhora das Dores (219 lugares). Avenida Francisco Sales, 77, Floresta, ☎ 3226-9459. Sexta e sábado, 21h; domingo, 19h. R$ 15,00 (postos Sinparc) a R$ 30,00. A bilheteria abre uma hora antes do espetáculo. Até dia 24.

Fonte: VEJA BELO HORIZONTE