Teatro

Enrique Diaz estreia na capital o monólogo Cine_Monstro, sobre filho que comete crime contra o pai

Terceira investida do ator na obra do canadense Daniel MacIvor está em cartaz no Teatro Marília

Por: Isabella Grossi - Atualizado em

Nathalie Melot
(Foto: Redação VejaBH)

O ator e diretor em cena: registro da multiplicidade humana

Depois de estrear In on It - peça que lhe rendeu o Prêmio Shell de melhor direção - e A Primeira Vista, com Drica Moraes e Mariana Lima, Enrique Diaz volta a mergulhar na obra do canadense Daniel MacIvor. Desta vez, porém, como diretor e protagonista. Sozinho no palco, ele se desdobra em treze personagens no monólogo Cine_Monstro. O pano de fundo da trama é um crime bárbaro cometido por um filho contra o próprio pai. Se nas duas primeiras montagens o autor evidencia a maneira como duas pessoas lidam com amor e amizade, nesta ele vai além e investiga os monstros de todos nós: o ego. O cenário é simples, com um fundo branco, uma cadeira e um triciclo infantil. O foco mesmo está em Diaz, que recebeu o Prêmio Shell de melhor ator (90min). 16 anos.

Teatro Marília (256 lugares). Avenida Alfredo Balena, 586, Centro, ☎ 3277-4697. → Sexta (23) e sábado (24), 21h, e domingo (25), 19h30. R$ 20,00. A bilheteria abre uma hora antes do espetáculo.

Fonte: VEJA BELO HORIZONTE