Teatro

Novo espetáculo da Cia. Afeta, #140 ou Vão, trata das relações amorosas na era digital

Com estreia marcada para sexta (30), peça terá mecanismos para atender espectadores com deficiência

Por: Isabella Grossi - Atualizado em

Samuel Mendes
(Foto: Redação VejaBH)

Ludmilla Ramalho e Alexandre Cioletti: romance fugaz

Na contramão de sua última montagem, 180 Dias de Inverno - que levou aos palcos uma densa história de amor inspirada em conto de Nuno Ramos -, a Cia. Afeta estreia a comédia dramática #140 ou Vão. Escrito pelo carioca Felipe Rocha, que ganhou o Prêmio Shell 2011 por Ninguém Falou que Seria Fácil, o espetáculo narra o relacionamento de um jovem casal. Um intenso e rápido romance que, como seus protagonistas, nasceu e foi criado durante a revolução digital. Videoarte e música experimental incrementam a trama, que será exibida no domingo (1º), às 19h, com audiodescrição, em closed caption e Língua Brasileira de Sinais (Libras), para atender as pessoas com deficiência. A apresentação especial integra o projeto Teatro para Ver Mesmo sem Enxergar, para Ouvir Mesmo sem Escutar (50min). 14 anos.

Teatro Oi Futuro Klauss Vianna (329 lugares). Avenida Afonso Pena, 4001, Mangabeiras, ☎ 3223-6756. → Quinta a sábado, 21h; domingo, 19h. R$ 10,00. Bilheteria: 15h às 21h (terça a sábado); 13h às 19h (domingo). Cd: todos. Cc: todos. Até 8 de junho. Estreia prometida para sexta (30).

Fonte: VEJA BELO HORIZONTE